A Nokia estará de volta oficialmente no mercado já no início do próximo ano. Depois do desaire com a Microsoft, a empresa Finlandesa (ou o que resta dela), acabou por ser comprada pela HMD para o fabrico de smartphones.

O nome Nokia continuará e teremos a ideologia Nokia que sempre nos habituamos, ou assim se espera. Rumores falam que a empresa Europeia poderá vir a trazer telefones para todas as carteiras, sejam eles gama-alta ou gama-baixa.

   

Vê ainda: Hello Sexy! Ulefone Gemini chegará com dual-câmara em breve

Hoje tivemos a informação que o Nokia com o nome de “TA-1000” ganhou certificação 3C (certificações de rede). Isto significa que o terminal está mais perto do que nunca.

Na imagem apenas vemos que o smartphone é da HMD e que conta com um carregamento de 5V/2A, ou seja, nada de carregamento rápido. A falha desta característica leva-nos a acreditar que este smartphone não passe de um terminal de gama-baixa.

Não percas: Samsung Galaxy S8 deverá ser acompanhado por wireless in-ear headphones

Rumores alimentam a ideia que o nome do smartphone será Nokia E1 e terá um design idêntico à ilustração acima. De acordo com estes rumores, o dispositivo contará com 1GB de RAM, 5.5″ polegadas, Android Nougat e um processador low-end da Qualcomm.

Este design traz-nos à memória os terminais fabricados em conjunto com a Microsoft, veremos se a Nokia com a HMD pretende dar novas ideias no design ou se teremos algo idêntico aos antigos Windows Mobile.

Talvez queiras ver:

Moto Z prepara-se para receber nova atualização

Rumor: Xiaomi Mi 6 será muito idêntico ao Xiaomi Mi Note 2

Uhans A101S Review: Será um smartphone de 60€ suficientemente bom?