Nokia 9 PureView posto à prova em teste de resistência (vídeo)

Bruno Coelho
Comentar

O Nokia 9 PureView foi lançado em fevereiro com uma clara distinção que ainda ninguém foi capaz de superar. Chegou ao mercado com cinco câmaras na traseira e duas câmaras frontais. O smartphone com um total de sete câmaras já passou no popular teste resistência de JerryRigEverything, e passou com distinção.

O vídeo em baixo mostra-nos um dispositivo com ecrã AMOLED e proteção Gorilla Glass, o que faz com o ecrã risque nos mesmo níveis dos seus concorrentes. Na hora de tentar dobrar o dispositivo, a sua construção em vidro e metal, confere-lhe bastante durabilidade.

Como é habitual neste tipo de smartphones, o ecrã do Nokia 9 PureViews começa a sofrer com riscos no nível 6 do teste. As bordas construídas em metal sofrem riscos à passagem do x-ato, mas aguentam-se impecavelmente.

As suas cinco câmaras traseiras passaram pela “prova do x-ato”. Tendo em conta que não se encontram salientes, isso confere-lhe maior durabilidade. No teste do isqueiro, o ecrã demora cerca de 30 segundos a ficar com marcas.

Mesmo sem estar riscado, o sensor biométrico embutido no ecrã, mostrou-se pouco efetivo. Ao contrário dos seus concorrentes, o nível 7 deixa o sensor bem difícil de utilizar.

nokia 9 pureview
O sensor biométrico do Nokia 9 PureView mostrou-se um dos pontos fracos durante o teste

Na hora da dobragem, ouvimos alguns estalidados e flexibilidade. No entanto, o dispositivo não vacila, e mantém-se a funcionar em pleno. Em termos de robustez, o Nokia 9 PureView está certamente em linha com o passado da Nokia.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Ultimate Team é o seu atual saco de boxe, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.