smartphone-addiction

Nos dias atuais, parece que cada vez mais somos dependentes do nosso smartphone. É verdade que esta pequena invenção (depende do tamanho do teu) veio colocar no nosso bolso um acesso rápido e cómodo a várias formas de comunicação e informação.

Vê também: Clickbait: Não vais acreditar como é fácil chamar a tua atenção!

   

Contudo esta dependência ou necessidade pode, em último caso, levar-nos para um nível bem mais preocupante, ao nível do vicio. Sim, existem pessoas que podem desenvolver uma dependência extrema em torno dos seus smartphones ao ponto de estarem sempre a mexer neles, nem que seja para conferir quanta mais bateria lhes resta.

Mas como em todos os vícios existentes neste mundo, há sempre uma forma de os controlar e neste caso em particular pode ser bem mais simples do que imaginas. A revista Americana The Atlantic (fonte) publicou recentemente um video no qual defende que mudar o esquema de cores de um smartphone para o cinza é uma solução para quem sofrer deste problema.

A cor vermelha é a responsável por despertar a área do nosso cérebro encarregue do sentimento de excitação, razão pela qual o sinal STOP é predominantemente vermelho. Para a The Atlantic o vermelho é por isso o responsável por uma constante verificação do teu smartphone, logo na sua ausência essa dependência diminui.

Caso sejas um dos que passa muitas horas a olhar para o smartphone e queiras experimentar se esta será uma solução para ti, o processo é fácil. No caso do iOS, terás de ir até às Definições, Geral e Acessibilidade, onde encontrarás a opção para escolheres um tema cinzento. Para os possuidores de um Android 5.0 ou superior, em primeiro lugar terás de habilitar as Opções de Programador ao clicares várias vezes no Número de compilação do teu equipamento. Já dentro das Opções de Programador, basta ires à opção Simular espaço de cor e escolher Monocromacia.

No meu caso, além de o smartphone ficar bem menos atraente ao olhar, ficou também com alguma lag, portanto posso dizer que diminuiu de facto a minha vontade de mexer nele. Faz também tu um pequeno teste e deixa-nos a tua opinião.

Talvez queiras ver:


ViaNY Post
Fontethe atlantic
O gosto por tecnologia foi algo que esteve sempre dentro de mim. Com o crescer do mercado dos smartphones, também o meu entusiasmo com os mesmos aumentou. Já nos tempos livres, as séries são o meu principal mata-tempo.