Microsoft deixa alerta a quem quer instalar o Windows 11 em PC´s antigos

Carlos Oliveira
Comentar

A apresentação do Windows 11 gerou enorme controvérsia no mercado tecnológico devido aos seus requisitos mínimos. As primeiras informações deixaram milhões de PC´s fora da lista de contemplados e isso não agradou aos fãs de longa data.

Em virtude disso, a Microsoft retificou alguns pontos e passou a permitir a instalação do Windows 11 em máquinas mais antigas. Todavia, essa é uma prática desaconselhada e a Microsoft deixa um novo aviso a quem o fizer.

Microsoft quer que consintas a perda de atualizações de sistema no Windows 11

Tal como aponta a publicação The Verge, a Microsoft deixa um novo alerta aos que instalarem o Windows 11 em computadores com processadores não suportados. Em rigor, é uma escusa de responsabilidade para a ausência de atualizações no futuro.

Windows 11
Créditos: The Verge

A imagem acima documenta o aviso deixado pela Microsoft durante a instalação manual do Windows 11. Nele, a empresa americana quer que o utilizador consinta a perda das atualizações via Windows Update e a possível perda da garantia do computador.

Ao lado desta mensagem aparece o botão "Aceitar", em jeito de consentimento do utilizador caso algo corra menos bem no futuro. Por outras palavras, é uma escusa de responsabilidades por parte da Microsoft se surgirem problemas com a experiência Windows 11.

A Microsoft informou, em agosto, que qualquer computador com processador de 64-bit com dois núcleos de processamento, TPM 1.2, 4 GB de RAM e 64 GB de armazenamento poderá instalar o Windows 11. Porém, esse processo terá de ser feito manualmente com a instalação de um ficheiro ISO.

Aos que optarem por esta alternativa, a empresa americana deixará de enviar atualizações através do Windows Update. Ou seja, terás um sistema operativo não suportado, o que implica igualmente a ausência de atualizações de segurança.

Mesmo assim, caso optes pela instalação do Windows 11 num PC incompatível, a Microsoft quer assegurar a ilibação de responsabilidade caso surjam alguns problemas. Para tal, o utilizador será obrigado a consentir o uso do software nessas condições.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.