MediaTek surpreende tudo e todos e rouba 1ª posição à Qualcomm!

Vitor Urbano
Comentar

A MediaTek andou sempre na sombra da Qualcomm, apresentando resultados de performance fantásticos no segmento gama-média, mas sem nunca conseguir ganhar uma posição de destaque máximo como fabricante de processadores. No entanto, esse feito foi alcançado no 3º trimestre de 2020, tornando-se na maior fabricante de processadores para smartphones do mundo.

Os dados foram avançados pela Counterpoint Research, revelando que entre os meses de julho e setembro a MediaTek conseguiu garantir uma quota de mercado de 31%, enquanto a Qualcomm foi relegada para a segunda posição com 29%.

MediaTek Processadores Qualcomm

Mercado dos smartphones gama-média revela-se crucial para a MediaTek

Já há algum tempo que temos visto o mercado dos smartphones gama-média crescer a olhos vistos, apresentando cada vez mais especificações de alto nível, mantendo preços muito aliciantes. Além disso, o volume de smartphones lançado no mercado é também muito maior, especialmente quando comparado com o mercado dos topos de gama.

No segmento gama-média, a MediaTek continua a apresentar resultados de performance bastante superiores aos processadores da Qualcomm, dominando constantemente os rankings apresentados pela plataforma AnTuTu.

Por isso, não é com grande surpresa que vemos a MediaTek conseguir ultrapassar finalmente a Qualcomm.

No entanto, as tendências poderão inverter-se já no último trimestre de 2020, graças ao crescimento na procura de smartphones com suporte para redes 5G.

Neste segmento específico, a Qualcomm continua como líder isolada, com uma quota de mercado de 39%. De acordo com o relatório da Counterpoint, 1/3 dos smartphones vendidos globalmente nos últimos três meses de 2020 serão smartphones 5G, o que poderá ajudar a Qualcomm a recuperar a liderança.

Editores 4gnews recomendam:

Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.