MediaTek provoca Qualcomm: "só há uma empresa com problemas de sobreaquecimento e não é a nossa"

Mónica Marques
Comentar

A guerra no mercado de processadores móveis está ao rubro e promete aquecer ainda mais depois dos comentários da MediaTek.

Tudo porque recentemente a fabricante de Taiwan afirmou que apenas uma empresa sofre com problemas de sobreaquecimento, numa alusão direta à concorrente Qualcomm.

MediaTek mostra-se confiante com desempenho do novo processador Dimensity 9000

MediaTek Dimensity 9000

A rivalidade entre as duas principais fabricantes de processadores móveis está cada vez mais acérrima. Sobretudo devido ao facto de a MediaTek ter lançado o Dimensity 9000 e a Qualcomm estar a preparar-se para revelar o novo Snapdragon 8 Gen 1, mas os recentes comentários da fabricante de Taiwan sobre um conhecido problema dos processadores da Qualcomm levaram a rivalidade a outro nível.

Recentemente Kevin Keating, diretor de RP da MediaTek afirmou numa entrevista que "apenas uma empresa tem problemas de aquecimento e não somos nós". O comentário é uma alusão clara ao facto de a Qualcomm ter enfrentado alguns problemas de sobreaquecimento com os processadores Snpadragon 888 e 888+ e uma provocação subtil ao seu rival mais direto.

Na mesma entrevista, o responsável da MediaTek mostra-se muito confiante sobre o desempenho do novo processador Dimensity 9000, afirmando que todos os chips de amostra que foram enviados para os fabricantes de smartphones foram bem-sucedidos e têm tido feedback positivo.

Samsung está já a testar novo processador MediaTek

E, para já, as perspetivas para o Dimensity 9000 aparentam ser excelentes, uma vez que a Samsung está já a testar o novo processador, ao nível do seu desempenho e eficiência energética. Esta informação está a ser avançada pelo conhecido leaker Ice Universe que adianta ainda que se o resultado for bom, a Samsung pode incluir este processador num smartphone ou tablet topo de gama.

O que seria uma novidade fantástica para a MediaTek, uma vez que os seus processadores dominam os segmentos médio e baixo de smartphones enquanto que a Qualcomm detém o mercado de equipamentos topo de gama.

Processo de fabricação do Dimensity 9000 supera o da Samsung

MediaTek Dimensity 9000

Mas, ainda que a Samsung adote o Dimensity 9000, este não será integrado no flagship Galaxy S22 que deve chegar com Snapdragon 8 Gen 1 ou Exynos 2200, consoante a região de lançamento. Portanto, o novo processador da MediaTek pode ser incluído em outro modelo topo de gama, provavelmente um tablet, a ser lançado no segundo semestre de 2022.

Para já, sabe-se que a Samsung aprova o desempenho de controlo de energia do MediaTek Dimensity 9000 que usa o processo 4 nm da TSMC que, de acordo com os especialistas, é melhor do que o processo de fabricação EUV 4 nm da própria Samsung.

E, por esta razão, em 2022 a Samsung pode tornar-se a única marca a integrar três processadores de topo nos seus smartphones, o proprietário Exynos 2200, o Dimensity 9000 da MediaTek e o Snapdragon 8 Gen 1 da Qualcomm.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira.