LG prepara um smartphone ainda mais revolucionário que o LG Wing

Carlos Oliveira
Comentar

A LG surpreendeu o mercado, este ano, com o lançamento do LG Wing. Este equipamento é dotado de um ecrã que roda para nos oferecer uma tela secundária e rapidamente ganhou o título de smartphone mais revolucionário do ano.

No entanto, parece que a sul-coreana tem um novo trunfo na manga. Segundo o que está a avançar a publicação The Elec, a LG prepara-se para lançar um smartphone com um ecrã enrolável já em março de 2021.

LG prepara-se para lançar o primeiro smartphone com ecrã enrolável

Se há empresa com capacidade técnica para lançar um smartphone deste género é a LG. A tecnológica sul-coreana está bem familiarizada com a tecnologia, visto que já tem no mercado uma televisão com ecrã enrolável.

Ao abrigo do Project Explorer, a LG quer agora transitar essa tecnologia para os seus smartphones. A ideia será aumentar o ecrã do equipamento quando o utilizador quiser e na proporção que este quiser.

No final da apresentação do LG Wing, a marca deixou um pequeno teaser de um smartphone com ecrã enrolável. Nele podemos ver efetivamente um dispositivo em que o seu ecrã pode ser "esticado" conforme o utilizador desejar.

Por enquanto, não existem grandes pormenores relativamente a este revolucionário smartphone. Nos próximos tempos é provável que mais pormenores sejam revelados e que nos elucidem sobre como realmente será o dispositivo.

LG regressa ao mercado dos topos de gama em 2021

Antes de ficarmos a conhecer o primeiro smartphone com ecrã enrolável, a LG vai introduzir um novo topo de gama convencional. Este deverá chegar no início do próximo ano, ainda antes do lançamento do modelo acima.

Este novo topo de gama deverá fazer parte da linha V e contará com o processador Snapdragon 875. Ou seja, nada de fora do comum neste produto, o que certamente dificultará que ele se destaque no mercado.

Empresa começa a recuperar financeiramente e no mercado

Os últimos anos não têm sido positivos para a LG a nível financeiro, o que a obrigou a repensar a sua estratégia. Nesse sentido, a sul-coreana desistiu do mercado dos topos de gama para apostar em modelos mais acessíveis.

Essa estratégia começou a dar resultados positivos no passado trimestre, com a empresa a registar uma receita de 1.28 mil milhões de dólares. Trata-se de uma ligeira melhoria face aos 1.27 mil milhões do trimestre anterior, mas que demonstra que a empresa está finalmente a atingir a tão desejada estabilidade.

Talvez seja por isso que a LG esteja já a pensar em voltar ao mercado dos topos de gama. Será interessante saber se isso dará bom resultado ou se mergulhará a empresa novamente numa espiral recessiva.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.