LG G9 pode desiludir! Topo de gama não deverá ter o Snapdragon 865

António Guimarães
Comentar

Conforme avança o 9to5Google, o vindouro LG G9 não virá equipado com o processador mais recente da Qualcomm, o poderoso Snapdragon 865. Em vez disso, o equipamento deverá ser alimentado pelo processador Snapdragon 765G.

Caso assim seja, é certamente uma decisão estranha por parte da LG não "dar tudo" e colocar o melhor processador possível no seu telemóvel topo de gama. No entanto, é uma jogada que pode ajudar a marca a trazer interesse aos seus telemóveis, novamente se for bem aplicada.

~SEDFSED
LG G9 (ThinQ)

O Qualcomm Snapdragon 765G pode ser um "trunfo" para a LG

Em primeiro lugar, ao optar por um processador menos potente, a LG tem a oportunidade de baixar o preço do LG G9. As práticas de preços da LG não tem ajudado a marca a vender telemóveis de todo, pois a marca não consegue captar o interesse do consumidor, muito menos praticando preços "premium".

A verdade é que, comparando com Samsung e Huawei, que tem equipamentos a bater os 1000 euros, a LG não "abusa" muito. Mesmo assim, no mercado atual, só baixando o preço dos seus telemóveis é que a marca terá hipótese de recuperar vendas.

Aqui entra o Snapdragon 765G, que oferece uma boa performance e mantém a conexão 5G no telemóvel. Aqui em Portugal o 5G ainda não é muito relevante, mas na Coreia do Sul, país de origem da LG, já está disponível.

Com o cancelamento da MWC 2020, a LG acabou por não apresentar os seus equipamentos como costuma fazer. Resta saber quando é que a marca irá apresentar o LG G9 e possívelmente o LG V70, sucessor do V60.

Editores 4gnews recomendam:

António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.