LG G6 chegará com leitor de íris à semelhança do Note 7

Filipe Alves

LG G5 4gnews 4 (1)

O leitor de impressões digitais foi, e é, uma tecnologia cada vez mais revolucionária. Terminais de pouco valor já apresentam este tipo de característica visto que cada vez mais é importante manteres a tua segurança no equipamento.

Vê ainda: CEO da Sharp confirma que a Apple irá utilizar ecrãs OLED em futuros iPhone

Já quase há dois anos que temos falado do leitor de íris. Tivemos a oportunidade de brincar com esta tecnologia num smartphone da Fujitsu e ZTE na MWC15 e na MWC16 vimos que era mais do que apenas uma tecnologia gimmick.

Adeus LG Friends
Adeus LG Friends

O Samsung Galaxy Note 7 foi o smartphone que trouxe em grande nome esta nova ideia de desbloquear o smartphone. Marcas como por exemplo a HomTom também tem vindo a investir neste novo formato.

A LG pode não se ter safado tão bem quanto esperava com o LG G5 e o cancelamento do LG Friends foi algo que estava previsto desde o lançamento de outro terminal modular chamado Moto Z.

lg-ca%cc%82mara-iris-1

Mas a LG não pretende ficar atrás da concorrência e a par do Samsung Galaxy S8, a compatriota Sul-Coreana deverá trazer o desbloqueio via íris para o seu LG G6.

Esta nova imagem mostra-nos a alegada câmara frontal do smartphone. Ao contrário da concorrência, o LG G6 não terá uma dual-câmara frontal para diferentes situações, em vez disso a empresa formulou apenas um sensor para fazer o mesmo trabalho dos dois.

Desta forma o LG G6 salva espaço interno para outros componentes, é verdade que o espaço não é muito, mas milímetros são valiosos como o ouro.

Espera-se que o terminal seja apresentado na MWC17 em Barcelona a par do novo flagship da Samsung, Sony e HTC.

Talvez queiras ver:

Vernee Apollo Lite: Aproveita este desconto para comprar o teu novo Smartphone

Aumenta funcionalidades do leitor biométrico com uma só app

D€AL VPhone S8: O smartphone mais pequeno do mundo custa 27€

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.