LeEco-Silicon-Valley

A LeEco é uma empresa tecnológica Chinesa que tem crescido a olhos vistos nos últimos anos e que nos orgulhamos de seguir atentamente. Longe vão já os tempos em que a marca era conhecida por LeTV e a sua popularidade pouco ou nada se fazia sentir fora do território Chinês.

Vê também: Xiaomi Mi Note 2 poderá chegar já em outubro

   

Se nos tens seguido atentamente então também sabes que os produtos que a LeEco tem vindo a lançar têm sido no mínimo irreverentes. Esta foi a primeira marca a abandonar o jack audio de 3.5mm, lançou também o primeiro smartphone com 6GB de RAM e por muitos meses pensamos que repetisse a proeza com um equipamento com uns incríveis 8GB de RAM.

Estes foram sem dúvida alguns dos marcos mais importantes na caminhada da empresa ao longo dos anos que passaram, mas mais estarão certamente por vir. E o próximo será a entrada da LeEco no grande mercado Americano, que deverá acontecer já no próximo dia 19 de outubro.

leeco_us

A própria empresa começou já a enviar convites para um evento a ser levado a cabo no próximo mês, na cidade de San Francisco, pelas 10 horas locais (18 horas em Portugal).

Tudo aponta para que a LeEco apresente nesse dia um smartphone, sendo que faria todo o sentido levar o seu mais recente sucesso, o LeEco Le Pro 3, para as Américas. Deverá ainda introduzir o seu serviço de streaming LeTV naquele país, para fazer frente a fortes concorrentes como a Netflix e o Amazon Prime Video.


Esta notícia assume uma maior importância pelo facto de a LeEco estar muito próxima de se expandir para fora do seu mercado doméstico e quem sabe o próximo destino não seja mesmo a Europa. A concretizar-se, passaríamos a contar com equipamentos de elevada qualidade, por preços incrivelmente baixos, nas nossas lojas físicas.

Talvez queiras ver:

Huawei Mate 9 já tem data oficial de lançamento

UMi lança vídeo de unboxing oficial do UMi Plus

Versão final do Android Wear 2.0 só chegará em 2017

Viatechnobuffalo
O gosto por tecnologia foi algo que esteve sempre dentro de mim. Com o crescer do mercado dos smartphones, também o meu entusiasmo com os mesmos aumentou. Já nos tempos livres, as séries são o meu principal mata-tempo.