iPhone da Apple foi o mais ativado no primeiro trimestre do ano

Pedro Henrique

Os relatórios de contas do último trimestre ainda não foram relevados, mas uma fuga de informação parece afirmar que a Apple teve um trimestre melhor do que poderia esperar.

De facto, os valores referentes aos meses de janeiro, fevereiro e março serão anunciados brevemente, mas a Consumer Intelligence Research Partners revelou num relatório recente que foi o iPhone o equipamento mais ativado durante esse período nos Estados Unidos da América. Isto claro, no que concerne ao mercado dos smartphones.

Apple iPhone US

Com 36% do total de ativações, mais dois pontos percentuais do que o marco atingido pela Samsung - de 34% -, a empresa de Tim Cook parece poder festejar dado que todo o esforço praticado não terá sido em vão. Para além disso, vale lembrar que, entretanto, os mais recentes Apple iPhone completam seis meses.

A análise de um dado isolado pode não indicar boas novidades para a Apple...

Ao contrário do que aconteceu com os S10, que tiveram a sua estreia no mercado no início de março, a Apple não teve esse fator novidade e, mesmo assim, conseguiu alcançar o marco anteriormente descrito. E esta informação, por sua vez, é bastante saudável para a sua posição no mercado bolsista.

Depois do relatório apresentado anteriormente, as ações da empresa de Cupertino haviam descido para cotações pouco habituais, custando cerca de 140 dólares. Atualmente, menos de seis meses depois, regressaram (aos poucos) ao montante normal, mais de 200 dólares. Isto claro, olhando única e simplesmente para os padrões da Apple.

Consequentemente, sem dúvida que o estudo promovido pela empresa mencionada em cima se demonstra positivo para qualquer investidor. Principalmente, tendo em consideração o período de controvérsia atravessado pela Apple, razão pela qual os investidores estão cada vez mais reticentes no que toca à sua aposta na equipa de Tim Cook.

Seja como for, será necessário aguardar um pouco mais para se perceber se este dado, isolado, é suficientemente bom para justificar outros que possam não ser.

Editores 4gnews recomendam:

Fonte | Via

Pedro Henrique
Pedro Henrique
Fã incondicional de tecnologia e cultura quer partilhar o conhecimento adquirido com todos.