iPhone 14 vai trazer mudanças na câmara. Mas diz adeus a um 'fracasso'

Bruno Coelho
Comentar

O iPhone 13 está a cerca de meio ano do seu lançamento. Mas o conhecido analista Ming-Chi Kuo já avançou com detalhes do que espera ver no iPhone 14. Há boas novidades a nível fotográfico, e um adeus.

iPhone 14 terá sensor principal de 48MP, segundo Ming-Chi Kuo

Em nota aos investidores divulgada pelo Apple Insider, Kuo terá previsto que o iPhone 14 chegará com um sensor principal de 48 megapixeis 1/1.3” CMOS. Ao que é descrito, o sensor pode ser híbrido, maximizando o tamanho de pixeis, e capitalizando na capacidade de recolher boa luz.

Segundo a fonte, este poderá assim ser “significativamente maior que o disponível iPhone 12 e iPhone 13, e até que os Android existentes. Será perto do tamanho de uma câmara digital compacta”.

É esperado ainda que este sensor chegue com suporte para gravação de vídeo até 8K, não ficando "limitado" aos atuais 4K. O sensor em questão será produzido pela Sony, com a LG a trabalhar no módulo.

O módulo de câmaras atual, no iPhone 12

iPhone “mini” será descontinuado

Em 2020 a empresa da maçã trincada fez algo “que só a Apple faria”. A tecnológica de Cupertino lançou o iPhone 12 mini, que marca o regresso aos smartphone pequenos, já que este conta com apenas 5,4” polegadas.

Ming-Chi Kuo afirma que esse modelo será descontinuado em 2022. Segundo a fonte, aí serão lançados apenas modelos de 6,1” e 6,7” polegadas. Embora tal não seja afirmado, indica que o iPhone 13 mini será uma realidade.

Recorde-se que o iPhone 12 mini não tem sido o sucesso de vendas que a Apple esperava. Ainda assim, nada o impede de estar entre os 10 smartphones mais vendidos globalmente.

Editores 4gnews recomendam:

  • Siri surpreende o mundo ao confirmar evento da Apple para dia 20
  • Apple: estes são os iPhone e iPad mais poderosos no AnTuTu
  • Nova box Apple TV poderá ser a mais inteligente de sempre
Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.