iPhone 12 mini é desmontado e revela os esforços da Apple

Rui Bacelar
Comentar

A miniaturização foi um dos maiores esforços da Apple ao conceber o novo iPhone 12 mini. A luta dos engenheiros contra as dimensões físicas do produto é agora revelada com a desmontagem pormenorizada, passo a passo, pela equipa da iFixit.

A bateria menor não é a única "compactação", longe disso, aliás, com vários sacrifícios a serem feitos em nome do tamanho do novo telemóvel. Note-se ainda que esta passa a ter 8,57 Wh e uma capacidade de 2227 mAh

O iPhone 12 mini é um prodígio da engenharia

Apple iPhone 12 mini
iPhone 12 mini (à esquerda) e iPhone 12 (à direita). Crédito: iFixit.

Ainda relativamente à bateria do iPhone 12 mini, apesar de pequena (2227 mAh), consegue ser maior que a do iPhone SE (2020), com uns magros 1821 mAh de capacidade. Mas, passemos a outros componentes realmente interessantes.

Por exemplo, o motor de vibração do smartphone - Taptic Engine - também ele encolheu na ordem dos 25% face ao iPhone 12, tal como o altifalante. Aliás, a gigante de Cupertino conseguiu inclusive esconder o sensor de luz ambiente que regula, por exemplo, a luminosidade automática do ecrã.

Apple iPhone 12 mini
O motor de vibração - taptic engine - do iPhone 12 mini. Crédito: iFixit

Mesmo conseguindo compactar vários dos componentes-chave do smartphone, o espaço não sobra. Aliás, vemos o motor de vibração justaposto com o altifalante, tudo muito próximo da bateria e da estrutura em metal do telemóvel Apple.

Ainda de acordo com o testemunho da iFixit, empresa especializada na reparação de dispositivos móveis e componentes eletrónicos, não há realmente o menor espaço sobrante para acomodar, por exemplo, a porta áudio jack de 3,5 mm.

Apple iPhone 12 mini
Pormenor da bobine de fio cobre para mediar o carregamento sem-fios. Crédito: iFixit

O procedimento efetuado pela empresa norte-americana permitiu-lhe aferir vários dos esforços da gigante tecnológica, concluindo que todo o espaço útil foi realmente aproveitado. Note-se, por exemplo, a imagem acima com o componente que torna possível carregar o iPhone sem-fios e que ocupa uma boa porção da sua traseira.

Por fim, a iFixit determinou que apesar de muito compactado, o novo iPhone 12 mini é um telemóvel relativamente fácil para reparar, algo que certamente agradará aos técnicos do setor, bem como aos utilizadores mais curiosos.

Em nota pessoal, a Apple conseguiu colocar no mercado um smartphone potente para os consumidores que preferem um formato reduzido e, quiçá, utilizar o smartphone com uma só mão. Algo que recentemente só a Sony ainda tentava fazer, sendo assim uma introdução bem-vinda e acrescentando diversidade ao mercado mobile.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.