Huawei vai continuar a desenvolver 5G no Brasil, diz vice-presidente

Bruno Coelho
Comentar

A garantia foi dada Hamilton Mourão, vice-presidente brasileiro. Com um taxativo “Aqui não.”, assegurou que o governo do país não tem intenções de banir a Huawei do país no que diz respeito à tecnologia 5G.

Mourão garante que neste momento não tem qualquer receio em relação às suspeitas de espionagem que assombram a Huawei. Numa entrevista exclusiva ao jornal Valor Económico, afirma que “seria uma leviandade” fazer essa acusação à empresa. Até porque não tem “dados” que possam comprovar as acusações.

hamilton mourão
Vice-presidente do Brasil, Hamilton Mourão, quer Huawei no Brasil

O tema terá sido levantado por Donald Trump, aquando da visita do presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, aos Estados Unidos em março. À data, o presidente americano terá alertado Bolsonaro sobre a Huawei.

Huawei tem de criar ambiente de confiança na empresa

O tema levou Hamilton Mourão a conversar com o presidente da Huawei, numa ida à China. Nesta visita, disse ser necessário a Huawei “criar um ambiente de confiança” em torno da empresa.

Com este ambiente de confiança, Mourão acredita que “nenhum país que receba a empresa e a tecnologia (5G) ficará preocupado”. Isto porque a empresa deve garantir que os “dados que estão em seu poder não passarão para o governo” chinês.

Brasil precisa de empresas como a Huawei para desenvover rede de telecomunicações

O vice-presidente brasileiro acaba por dizer que o país não se pode dar ao luxo de banir a Huawei. “Nós somos um país pouco integrado digitalmente”, refere. O paradigma brasileiro deve mudar, já que o executivo considera que a rede de telecomunicações precisa de ser expandida no país.

Vários aliados os Estados Unidos têm sido pressionados por Donald Trump para impedirem a Huawei de trabalhar nesses países. Segundo estas informações, o Brasil não será um desses casos.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Ultimate Team é o seu atual saco de boxe, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.