Huawei está a desenvolver sistema operativo como alternativa ao Android

Rui Bacelar
A marca usufruiu de uma crescente popularidade em Portugal. Tendência que se verifica em toda a Europa

2018 tem assistido a um azedar das relações entre a Huawei e o governo americano, algo que já aqui ver toda a nossa cobertura.

Vê ainda: Gostavas de fazer parte da equipa 4gnews? Sabe como!

Acredita-se que seja um trunfo que será utilizado para apaziguar as empresas norte-americanas. Entidades que não confiam na abordagem desta marca ao sistema operativo Android da Google.

A fabricante chinesa tem sentido um grande crescimento nos últimos anos, sendo já a 3ª maior fabricante de dispositivos móveis a nível mundial. Todavia, a Huawei quer continuar a crescer e para tal precisa do mercado norte-americano.

Huawei tem um sistema operativo, alternativo ao Android

Apesar das suas ambições serem claras - ultrapassar a Canalys, os Estados Unidos da América são o 3º maior mercado mundial de smartphones. A Índia ultrapassou os EUA no 2º trimestre de 2017. A China continua a ser o maior mercado mundial de dispositivos móveis.

O sistema operativo alternativo ao Android da Google é um dos trunfos da marca. ©Bloomberg

Apesar de ser a fabricante está praticamente fora dos Estados Unidos da América. Note-se que no início de 2018 a Huawei planeou uma entrada em grande.

Alternativa ao Android da Google poderá ser utilizada em caso de necessidade

Com efeito, planeava vender os seus Huaweiadministração Trump.

Sistema operativo alternativo ao Android da Google no portfólio da Huawei

Segundo a imprensa internacional, os responsáveis da fabricante chinesa garantem que continuarão a trabalhar em conjunto com a Google. Isto para melhorar os seus dispositivos móveis com o sistema operativo Android.

Com o caminho barrado nos EUA, a marca chinesa pode apostar num novo sistema operativo. Isto como alternativa ao Android da Google.

Aliás, em breve teremos um smartphone da Huawei com a plataforma Android Oreo "Go Edition" da Google. Ainda assim, a Huawei confessa que está a desenvolver um novo sistema operativo desde 2012.

Neste momento os consumidores conhecem o ambiente gráfico da Huawei com o sistema operativo Android. Esta chama-se Emotion UI ou EMUI e apesar de não reunir consensos já é uma visão comum em Portugal.

Este seu sistema operativo poderá ser utilizado como alternativa ao Android da Google. Isto no caso de a marca chinesa continuar barrada nos Estados Unidos da América. Pode também ser utilizado caso a empresa não consiga obter o licenciamento Android para os seus dispositivos móveis como smartphones e tablets Android.

Criar um sistema operativo alternativo ao Android não será tarefa fácil

Algo que a impediria de utilizar os serviços e aplicações da Google e que poderia deixar a marca numa situação muito frágil. Ora, precavendo esse cenário hipotético a Huawei tem desenvolvido um sistema operativo "salva vidas".

A marca já fabrica os seus processadores, poderá agora implementar o seu sistema operativo?

Note-se que já várias outras empresas tentaram criar o seu próprio sistema operativo. Tivemos a Firefox e o Microsoft.

Neste momento o mercado de dispositivos móveis divide-se entre o sistema operativo da Google, o Android e o sistema operativo da Apple, o seu iOS. Existirá lugar (ou futuro) para um terceiro sistema operativo?

Certo é que a Huawei se tenta manter o mais independente possível. Neste momento fabrica os seus próprios processadores (HiSilicon Kirin) pelo que é plausível que eventualmente comece a testar o seu sistema operativo próprio.

Por último, esta será uma solução in extremis. Será algo que não deverá ser lançado ou aplicada a menos que marca não tenha outra opção.

Qual a tua opinião sobre este assunto?

Assuntos relevantes na 4gnews:

d

d

e Assistant é a assistente virtual mais inteligente do mercado

via

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.