Huawei pode estar a preparar mudança histórica para 2021

Bruno Coelho
1 comentário

A Huawei destaca-se por ser uma das fabricantes que tem os seus próprios processadores. Mas segundo o analista John Vihn, a empresa pode fazer uma mudança histórica para a Qualcomm em 2021.

Analista afirma os P50 e Mate 50 podem ter processadores Qualcomm

Segundo esta fonte do KeyBanc Capital Markets, a Qualcomm vai acabar por ser a fornecedora de processadores Snapdragon nos P50 e Mate 50. Contudo, a fabricante encontra-se impedida de negociar com empresas americanas pelo governo dos Estados Unidos.

Seria necessária uma licença especial para que a Qualcomm pudesse negociar com a Huawei os processadores para os seus topos de gama. E segundo o analista, esta licença pode ser aprovada.

“Muitas das restrições colocadas à Huawei são projetadas para proteger das ameaças impostas pela infraestrutura de 5G e aplicações militares. Não acreditamos que os smartphones dos consumidores sejam um alvo”, afirma.

Huawei P40 Pro
O Huawei P40 Pro tem o processador Kirin 990

Tendo em conta que a Qualcomm é uma empresa americana, o analista afirma que a questão financeira poderá falar mais alto, e assim será aprovada uma licença para negociação com a Huawei.

Deves ter em conta que, por enquanto, esta é apenas a opinião de um analista. Os próximos meses serão decisivos para perceber se isto se pode tornar numa realidade ou apenas uma suposição.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Football Manager e o cinema são dois dos seus escapes, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.