Huawei P50 Pro é o melhor do mundo em mais um componente

Bruno Coelho
1 comentário

O Huawei P50 Pro continua a acumular distinções por parte da DxOMark. É bom recordar que o smartphone foi apresentado neste final de julho, e rapidamente se colocou no lugar mais alto do ranking de câmaras traseiras e frontais da DxOMark.

Huawei P50 Pro é o novo líder do ranking de ecrã da DxOMark

Agora, a DxOMark revelou também a sua análise ao ecrã do Huawei P50 Pro. E este supera o anterior líder Samsung Galaxy S21 Ultra (91 pontos), com uma pontuação de 93 pontos.

Pontuação de ecrã do Huawei P50 Pro na DxOMark
Pontuação de ecrã do Huawei P50 Pro na DxOMark

Segundo esta fonte, o P50 Pro mostra “boa, muito boa e por vezes até excelente desempenho em qualquer categoria”. Até na questão do vídeo o smartphone foi melhorado, sendo este o detalhe onde o antecessor pecava.

O smartphone acaba por revelar apenas duas coisas que continuam a merecer atenção. Uma delas é o brilho padrão demasiado baixo em condições exteriores, e a presença de alguns artefactos.

Pontos positivos do ecrã do Huawei P50 Pro

  • O brilho é apropriado para assistir a vídeos HDR10
  • A legibilidade é agradável com pouca luz e em condições internas
  • O toque é suave e preciso
  • O dispositivo quase não tem cintilação

Pontos negativos do ecrã do Huawei P50 Pro

  • O brilho padrão é muito baixo para uma legibilidade agradável em condições externas
  • Um ligeiro tom amarelo / verde é percetível na maioria das condições testadas
  • Os tons escuros carecem de detalhes ao assistir a conteúdo de vídeo HDR10.
  • Quedas de frames às vezes são percetíveis ao iniciar jogos.

Como sempre, deves olhar para esta avaliação como mais um barómetro na hora de escolher um smartphone. O Samsung Galaxy S21 Ultra não deixou de ter um ecrã excelente, sendo que são apenas pormenores que acabam por fazer a diferença entre ambos.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Football Manager e o cinema são dois dos seus escapes, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.