Huawei Mate 40 Pro chegará à Europa com um preço bastante elevado

Carlos Oliveira
Comentar

A Huawei está prestes a lançar o seu mais recente topo de gama. Será já amanhã que o mundo conhecerá oficialmente o Huawei Mate 40 Pro, mas ainda há tempo para estragar algumas surpresas.

Certamente por um erro interno, a Amazon Alemanha publicou o Huawei Mate 40 Pro no seu site oficial. O dado mais importante a retirar deste descuido é a revelação do preço do smartphone.

Huawei Mate 40 Pro

Huawei Mate 40 Pro custará 1200€ na Europa

Entretanto apagada, a página da Amazon Alemanha revela que o próximo topo de gama da Huawei custará 1199€ na Europa. Um aumento considerável face ao Mate 30 Pro lançado também em finais de 2019.

Atenção que 1200€ por um topo de gama, em 2020, não é um absurdo. No entanto, temos de considerar que o Huawei Mate 40 Pro terá uma considerável desvantagem face à concorrência direta na forma do seu software.

Sem serviços da Google, são muitos os consumidores ocidentais que preferirão outras propostas. Entre este Huawei Mate 40 Pro e um Samsung Galaxy topo de gama, com aplicações da Google, facilmente o consumidor comum optaria pelo smartphone da sul-coreana.

Especificações confirmadas do Huawei Mate 40 Pro

  • Ecrã OLED de 6.76 polegadas
  • 8GB de memória RAM
  • 256GB de memória interna
  • Câmara traseira: 50MP Ultra Vision + grande angular de resolução desconhecida
  • Câmara frontal de 13MP
  • Bateria de 4400mAh
  • Carregamento rápido de 66W
  • Carregamento rápido sem fios de 50W
  • EMUI 11 baseada no Android 10 sem serviços Google

Estes foram os dados incluídos na página que esteve momentaneamente disponível na Amazon Alemanha. Alguns pormenores ficaram por esclarecer, sobretudo a total composição da câmara traseira do Huawei Mate 40 Pro, quando todos os rumores apontam para a inclusão de quatro lentes.

Importa ainda referir que a imagem que ilustra esta listagem é pertencente ao Huawei Mate 30 Pro. Ou seja, não foi por intermédio deste descuido do maior retalhista mundial que se confirmou o design do novo topo de gama da chinesa.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.