Huawei Mate 30 está a ser um sucesso mesmo sem serviços Google

Carlos Oliveira
1 comentário

A família Huawei Mate 30 é a grande ausência do ano no nosso mercado e a culpa é da falta dos serviços Google. No entanto, o último ponto não tem sido impedimento para o seu sucesso em todo o mundo.

De acordo com o que está a avançar uma fonte chinesa, os Huawei Mate 30 já venderam 12 milhões de exemplares em todo o mundo. Um marco impressionante tendo em conta a sua disponibilidade limitada fora da China.

No período de um mês, o Huawei Mate 30 vendeu cerca de 5 milhões de exemplares globalmente. A julgar por este desempenho, é perfeitamente plausível que consigam alcançar ou mesmo superar a marca dos 20 milhões traçada pela Huawei.

Huawei Mate 30

China tem sido o grande impulsionador do sucesso do Mate 30

Depois dos revezes que a Huawei tem sofrido em razão das imposições norte-americanas, o mercado chinês deu um novo sentido à palavra patriotismo. Este tem sido o mercado que mais tem impulsionado as vendas dos Huawei Mate 30.

Na China os serviços Google não são utilizados, portanto, a ausência destes não faz moça junto dos utilizadores. É por isso que estes têm aderido em massa a um dos melhores smartphones Android do mercado.

O mesmo não podemos dizer do mercado europeu. Aqui, os serviços Google são cada vez mais indispensáveis, embora a maioria dos nossos leitores afirmem não se importar de comprar o Mate 30 Pro mesmo sem este software.

Huawei prepara-se para um futuro sem tecnologia norte-americana

O Huawei Mate 30 Pro foi o primeiro smartphone da marca desenvolvido sem recurso a qualquer tecnologia norte-americana. Algo que atesta que é possível sobreviver sem esta grande potência.

Adicionalmente, a empresa chinesa lançou a sua alternativa aos serviços Google. Estes foram concebidos com a ajuda de programadores e empresas indianas e serão direcionados também para a Europa.

O próximo grande teste da Huawei será o Huawei P40. O próximo topo de gama da marca chega em março do próximo ano e veremos se será capaz de superar os números dos Mate 30.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.