Huawei irá vender milhões de telemóveis com suporte a 5G em 2020

António Guimarães
Comentar

O CEO da fabricante de produtos eletrónicos Taiyo Yuden fez algumas afirmações em relação ao desempenho de vendas da Huawei para 2020. Após a Huawei ter feito uma grande encomenda de componentes para telemóveis 5G, o CEO da Tayo Yuden prevê vendas de equipamentos a rondar as 100 milhões de unidades em 2020.

Shoichi Tosaka adicionou ainda que os seus maiores clientes atualmente são a Huawei e ZTE, que fizeram grandes encomendas de componentes utilizados nas infraestruturas 5G. Estas encomendas são feitas para responder à procura das operadoras. A Huawei e ZTE possuem grande parte das infraestruturas de telecomunicações na China.

Entretanto, a Taiyo Yuden está também a usufruir da transição para o 5G pois as suas ações duplicaram em valor durante o ano de 2019. Os seus componentes são utilizados em todo o tipo de produtos deste telemóveis até carros elétricos.

Huawei deverá liderar o mercado 5G com a concorrência atrás

Além de Shoichi Tosaka, vários analistas acreditam que o mercado 5G será liderado pela Huawei, devido à sua grande influência no mercado asiático. É claro que a Samsung estará a "morder os calcanhares" da fabricante chinesa, querendo também uma fatia do novo mercado.

Temos ainda a Apple, que deverá apostar no 5G em 2020, conforme indicam vários analistas da indústria, como o renomeado Ming-Chi Kuo. O mesmo prevê que os iPhones "12" deverão ter todos suporte para tecnologia 5G.

Considerando que a Taiyo Yuden é das maiores fornecedoras de componentes para telemóveis a nível mundial, estas previsões deverão tornar-se realidade durante o ano de 2020.

Editores 4gnews recomendam:

António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.