Huawei: Harmony OS e Android são essencialmente o mesmo!

Rui Bacelar
Comentar

O Harmony OS é o sistema operativo desenvolvido pela Huawei como alternativa ao Android da Google. É o seu plano B após ter sido barrada pelos Estados Unidos da América em 2019, impedindo-a de negociar com as empresas norte-americanas.

A alternativa ao Android é uma das prioridades da fabricante chinesa, mas, de acordo com a investigação da Ars Techica, mais não é que um clone do Android 10 com algumas alterações. Ron Amadeo mostra-nos um retrato pouco simpático do Harmony OS.

O Harmony OS é a alternativa da Huawei ao Android

Harmony OS Google Huawei
Aspeto geral do sistema Harmony OS. Crédito: Ars Techica

O plano B da Huawei tornou-se imperativo após maio de 2019, data efetiva do bloqueio imposto pelos Estados Unidos da América à Huawei. Os smartphones e dispositivos móveis lançados desde então não integram os Google Mobile Services (GMS).

A fabricante pode continuar a usar o sistema operativo Android, uma vez que este é de licença / fonte aberta. No entanto, a tecnológica tem desenvolvido uma plataforma que prometia ser a resposta perfeita para o Android da Google, diminuindo também a sua dependência da Google e dos seus serviços. Algo que temos visto materializado nos Huawei Mobile Services (HMS).

Este é o fundamento do Harmony OS, a alternativa ao Android que prometia unificar todos os dispositivos inteligentes do lar. Um ponto de ligação entre a televisão de casa, o smartphone, tablet, smartwatch e mais dispositivos IoT que o utilizador pudesse ter.

Diferenças? Pouco percetíveis na EMUI

Huawei Harmony OS Google
Aspeto geral do sistema Harmony OS. Crédito: Ars Techica

É uma premissa ousada, mas caso a Huawei a consiga aplicar seria uma adição muito bem-vinda ao binómio vigente - Android e iOS.

Porém, de acordo com a investigação de Ron Amadeo, repórter de tecnologia na publicação Ars Techica, o Harmony OS mais não é que o sistema Android com outro nome. E algumas mudanças genéricas à interface e menus do sistema.

Segundo esta fonte, o Harmony OS é apenas o Android 10 em que a EMUI - a interface ou skin da Huawei - tem outro aspeto com ligeiras mudanças na apresentação dos conteúdos.

O título da peça é bastante revelador“ Fake it till you make it” meets OS development". O autor não deteta mudanças facilmente discerníveis entre o "novíssimo" sistema operativo da Huawei e a plataforma estabelecida da Google.

O Harmony OS, ou o Android com outro nome!

Huawei Harmony OS
Aspeto geral do sistema Harmony OS. Crédito: Ars Techica

A peça é pintada por diversas capturas de ecrã onde vemos os principais aspetos do sistema. O repórter nota que as imagens são oriundas de um dispositivo físico - um smartphone - algures na China, isto porque só é permitido o acesso virtual ao sistema.

Por outras palavras, o repórter testou remotamente o sistema operativo da Huawei. Antes disso, contudo, teve que submeter diversos dados e informações pessoais como a foto do seu passaporte e do cartão de crédito.

Enquanto isso, qualquer pessoa, sem ter que submeter nenhuma informação, pode descarregar o SDK do Android.

A versão de testes desiludiu quem procurava um novo SO

Huawei Harmony OS
Aspeto geral do sistema Harmony OS. Crédito: Ars Techica

A familiaridade com o Android é positiva para o consumidor e utilizador Huawei. Afinal, criar algo de raiz já provou dar mau resultado no passado, servindo o Windows Phone, Blackberry OS, Ubuntu Touch, Firefox OS, Symbian, MeeGo, WebOS, Tizen e SailfishOS, entre outras plataformas menores que tentaram estabelecer-se frente ao Android da Google e iOS da Apple.

O repórter, assim que teve acesso virtual ao sistema operativo, encontrou um ambiente extremamente familiar. Aliás, a reportagem é pautada pela ironia e sátira, com fortes sugestões de plágio e disparidade entre o que é dito pela marca e o que é feito.

"A forma como a Huawei descreve o seu SO è imprensa e nos documentos para os programadores não parece ter muito a ver com o que realmente a empresa produziu. A documentação para os programadores quase que parece ter sido escrita para confundir propositadamente o leitor. Todo o código pronto a ser testado, mesmo submetido a uma análise criteriosa, parece o Android sem grandes mudanças".

Huawei

A peça expõe alguns pontos um tanto preocupantes, sobre as permissões e informações pedidas, além da natureza "Open Source" do Harmony OS vs o que realmente se apura.

Aos interessados recomendamos a leitura da peça - em inglês. Não é, de todo, uma visão positiva ou engrandecedora da tecnológica Huawei.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.