Huawei dará queda 'monumental’ na produção de smartphones em 2021, diz estudo

Bruno Coelho
Comentar

O ano de 2020 viu acontecer um declínio histórico na produção de smartphones, num mercado decaiu 11 por cento face ao ano anterior. No ano que agora acabou, foram produzidas 1,25 mil milhões de unidades de smartphones, segundo a TrendForce.Título 3

Nos números deste ano, é possível encontrar Samsung, Apple, Huawei, Xiaomi e Oppo, por esta ordem. Mas segundo os dados desta, fonte, a Huawei vai contrariar o mercado e dar uma ‘queda monumental’ em 2021.

Huawei desce para o 7º lugar na produção de smartphones em 2021, segundo a TrendForce

Trendforce
TOP 7 de marcas de smartphones por volume de produção e quota de mercado no 5G, 2020-2021. Crédito: TrendForce

Recorde-se que agora a Honor atua de forma independente da Huawei. Sem serviços da Google, o foco da gigante chinesa será na China. Para a TrendForce, a Huawei terá assim mais dificuldades em recuperar a sua posição de destaque, saindo do TOP 6 global de empresas com maior volume de produção de smartphones.

Como podes ver pelo gráfico, em 2020 a Huawei conseguiu um volume de produção de 170 milhões de equipamentos (contando ainda com a Honor). Isso deu-lhe um terceiro lugar global, e 30% de quota de mercado nos equipamentos com 5G.

Em 2021, segundo esta fonte, o ‘tombo’ será grande. São esperados volumes de produção a rondar os 45 milhões de equipamentos. Isto fará com que a quota de mercado do 5G desça para 8%, e a fabricante caia para o sétimo lugar neste ranking.

Este mesmo estudo da TrendForce admite que em 2021 teremos uma subida de 9 por cento nos volumes de produção gerais. O futuro encarregar-se-á de responder se estas expectativas são, ou não, fundadas.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Football Manager e o cinema são dois dos seus escapes, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.