comscore comscore
Home Android

Huawei cresce mais do que Apple e Samsung durante o ano de 2018

Os dados são da IDC e retratam o mercado mundial de smartphones no ano de 2018.

A Huawei tem sido tema constante de notícias em razão das suspeitas levantadas sobre uma eventual espionagem. No entanto, hoje importa falar desta empresa chinesa em razão da sua melhor performance face às concorrentes Apple e Samsung.

Na verdade, são estas as três principais vendedoras de smartphones no mundo. Todavia, o mercado está em retração em todo o globo e, ainda assim, a chinesa Huawei foi quem conseguir crescer mais em 2018.

Huawei Samsung Apple

Os dados são da agência IDC e atestam o fantástico crescimento que a tecnológica chinesa tem alcançado nos últimos tempos. Num ano em que em que o mercado global caiu 4.1%, é a Huawei que tem mais motivos para sorrir.

Huawei consegue resultados mais animadores do que Apple e Samsung

Com efeito, e tal como já havíamos noticiado, a Huawei foi capaz de superar a marca de 200 milhões de dispositivos vendidos em 2018. De facto, de acordo com os dados da IDC, foram 206 milhões os smartphones que a empresa vendeu ao longo do ano que terminou.

Números que representam um crescimento de 52 milhões de unidades vendidas face ao ano de 2017. Ademais, esta cifra permite à tecnológica chinesa arrecadar uma quota de mercado de 14.7%.

Logo em seguida temos a Apple com uma quota de mercado de 14.9%, segundo a IDC. Este é o resultado da venda de 208.8 milhões de equipamentos no ano passado. Por conseguinte, isto representa uma queda de 3% face a 2017, ano em que a empresa de Cupertino venderia 215.8 milhões de smartphones.

A liderar o mercado global de smartphones temos, sem surpresa, a Samsung. Embora também vítima da retração do mercado, a sul-coreana mantém-se como a que mais vende em todo o mundo.

Com efeito, constata-se agora uma queda de 8% face ao ano de 2017. A sul-coreana vendeu “apenas” 292.3 milhões de equipamentos em todo o ano de 2018, o que representa uma quota de mercado de 20.8%. Ainda assim, a empresa de Seul viu a sua influência cair 0.9%.

Samsung Huawei

A Xiaomi foi das que conseguiu crescer em 2018

Depois das notícias de que a Xiaomi conseguiu a primeira posição na Índia, eis mais uma boa notícia para a empresa de Lei Jun. De acordo com a fonte, também esta empresa chinesa teve um forte crescimento no ano que terminou à cerca de um mês.

Por conseguinte, a Xiaomi foi capaz de vender um total de 122.6 milhões de smartphones ao longo do ano. Cifra que representa um crescimento 30 milhões de unidades face a 2017. Por fim, uma menção à Oppo que ocupa a quinta posição mundial, com um total de 113.1 milhões de unidades vendidas.

Qual o desempenho das três primeiras no último trimestre do ano?

Já no que toca ao período compreendido entre outubro e dezembro de 2018, o cenário não é muito distinto. Por conseguinte, temos uma Samsung igualmente na liderança com um total de 70.4 milhões de exemplares vendidos.

Em seguida, temos a Apple com um total de 68.4 milhões de smartphones. Já a Huawei teve um crescimento de 44% neste período, para os 60.5 milhões de exemplares vendidos.

Editores 4gnews recomendam:

Quantos iPhones estão ativos em todo o mundo? A Apple responde

Motorola Moto G7: Fotografias reais mostram o smartphone

15 jogos Android Grátis com melhor avaliação na Google Play Store

O gosto por tecnologia foi algo que esteve sempre dentro de mim. Com o crescer do mercado dos smartphones, também o meu entusiasmo com os mesmos aumentou. Já nos tempos livres, as séries são o meu principal passatempo.