Honor não acredita que o smartphone dobrável é o futuro

Filipe Alves

A Honor revelou recentemente o seu Honor View 20. Um smartphone de qualidade com especificações a ter em conta. Nessa mesma apresentação, o presidente da Honor, George Zhao, referiu ao TechRadar que não acreditava que o smartphone dobrável ia mudar o mundo.

As suas palavras não foram exatamente estas, mas referiu que não via propósito num smartphone dobrável para a utilização do equipamento. Pelo menos para já, enquanto que a tecnologia não está inteiramente preparada.

Honor não acredita que o smartphone dobrável é o futuro

George Zhao apontou que "Estamos a pesquisar os telefones dobráveis, mas para nós é sobre a experiência de utilização. Do ponto de vista da tecnologia, é bom, mas por que precisamos de um telefone dobrável? O que pode esta tecnologia oferecer ao utilizador?”

"Smartphone dobrável ...Isso é muito grosso!"

Continuou dizendo "Talvez sejam dois telefones juntos? Isso é muito grosso e não é conveniente. Do meu ponto de vista, a tecnologia precisa fornecer a melhor experiência para melhorar o serviço. Isso é mais importante”.

A Huawei trará um smartphone dobrável no Mobile World Congress

Contudo, mesmo com as suas palavras, a Huawei (marca mãe da Honor) trará um smartphone dobrável no Mobile World Congress. Ainda que se acredite que este smartphone seja meramente para não deixar a Samsung ter os holofotes todos em si e dizer ao mundo "nós também conseguimos", a verdade é que os fabricantes começam cada vez mais olhar para o desenvolvimento da tecnologia.

Porém, temos de frisar que as palavras do Presidente da Honor não estão totalmente erradas. Os smartphones dobráveis chegarão em 2019 e não me parece que venham criar um impacto tão forte quanto o primeiro iPhone. O smartphone que revolucionou verdadeiramente o mercado móvel.

Editores 4gnews recomendam:

Vivo Apex 2019 e Meizu Zero são os telemóveis do futuro

Google: Android Q terá gravação de ecrã e ‘atalho de emergência’

‘Filmado num iPhone’ não é propriamente verdade! Nova polémica à vista!

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.