Google vai revolucionar a monitorização de saúde nos smartphones

Carlos Oliveira
Comentar

Atualmente as funcionalidades de monitorização de saúde são um grande atrativo para os utilizadores, em especial no mercado dos smartwatches. Mas graças à Google, essa tendência será agora transposta para os smartphones.

A partir da próxima semana, os smartphones Pixel vão receber novas potencialidades para monitorização da tua saúde. O veículo para essa proeza será a câmara do equipamento.

Smartphones Pixel poderão medir o teu batimento cardíaco através da câmara

O segredo desta nova funcionalidade estará na câmara dos smartphones Pixel. Isto é o mesmo que dizer que todas as novidades serão libertadas para os equipamentos compatíveis com uma simples atualização de software.

Google Pixel 5

Uma das principais novidades será a possibilidade de avaliar o teu batimento cardíaco. Para isso, terás de colocar o dedo por cima das câmaras do smartphone para que estas consigam captar uma leitura.

Os resultados serão transpostos para a aplicação Google Fit, onde poderás guardar todas as leituras para uma melhor compreensão dos teus padrões cardíacos. Aliás, será por este meio que concederás as devidas permissões para o bom funcionamento desta tecnologia.

Adicionalmente, poderás usar a câmara do teu Google PIxel para a medição do ritmo respiratório. Neste caso, terás de pousar o equipamento em qualquer base para que a sua câmara possa filmar-te do dorso para cima.

A câmara conseguirá assim analisar quantas vezes o teu peito expande e recolhe com a entrada e saída de oxigénio. Para uma boa leitura deste parâmetro, aconselha-se a remoção de chapéus e de máscaras.

Estas funcionalidades são, para já, exclusivas dos Google Pixel

As duas novidades acima descritas chegarão, para já, em exclusivo aos smartphones Google Pixel 3 e acima. Se tens um destes equipamentos, a respetiva atualização será disponibilizada na próxima segunda-feira.

Atendendo que tudo será habilitado com uma atualização de software, há uma forte possibilidade de outros dispositivos Android terem a mesma sorte. Este poderá ser apenas o início de uma nova era em que a câmara de um smartphone poderá servir para mais do que apenas tirar fotografias ou gravar vídeo.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.