Google Play: programadores já receberam mais de 80 mil milhões de dólares

António Guimarães
Comentar

Para programadores que criam aplicações, a loja menos dispendiosa é a Google Play Store devido ao seu pagamento único de 25€, além de toda a panóplia de ferramentas de suporte. Nesse sentido, um dos vice-presidentes da Google, Hiroshi Lockheimer publicou no Twitter a informar que até à data, programadores já ganharam mais de 80 mil milhões de dólares.

Lockheimer fez esta publicação através do CEO Sundar Pichai, que revelou os grandes números. Estes valores provém de receitas de anúncios e compras dentro das aplicações. Escusado será dizer que Lockheimer agradeceu aos programadores pelo sucesso do ecossistema Google Play Store. Contudo, os números empalidecem em comparação à Apple.

Apple já pagou mais de 100 mil milhões de dólares

Em 2018, durante o evento WWDC, a Apple revelou que os programadores na App Store já tinham arrecadado mais de 100 mil milhões de dólares em receitas. Este número representou também um crescimento em relação a 2017, onde as receitas de programadores atingiram os 70 mil milhões de dólares.

Assim sendo, podemos concluir que apesar de ser mais fácil programar para a Google Play Store, é mais rentável criar aplicações para a Apple App Store. A margem de lucro é claramente maior do que a da Google, embora a loja de aplicações da Apple seja mais restrita nos seus critérios.

Editores 4gnews recomendam:

  • Google Maps: este homem enganou a aplicação com 99 smartphones
  • Google Chromecast: duas características que a Google precisa de adicionar!
  • Google vai imprimir as tuas fotos e entregá-las a casa. Entende
António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.