Em outubro de 2016, dois novos dispositivos criaram um considerável impacto no mercado mobile. Foram revolucionários? Talvez não. Primaram pela excelência? Absolutamente, e é isto que se pode esperar do Google Pixel e Pixel XL, os dois primeiros smartphones desenvolvidos na integra pela Google, que oferecem o que de melhor o sistema Android tem para dar.

O Filipe Alves teve a oportunidade de fazer uma review ao Google Pixel e demonstra bem, em vídeo, todo o potencial do dispositivo, pelo que antes de passar aos rumores sobre a segunda geração deste terminal, deixo aqui a recomendação.

   

Com os olhos postos no futuro, a Google estará já a trabalhar no sucessor do Pixel, pelo que, após ficarmos a saber que os mesmos deverão chegar com rating IP68 (resistência a água e poeiras), ficamos agora a conhecer mais algumas características do futuro Google Pixel 2.

Uma das prioridades passará por melhorar a câmara. Um dos principais pontos fortes do Google Pixel é a sua câmara, que se encontra entre as melhores do mercado. No entanto, com alguns problemas com reflexos de luz na lente, a Google quererá suprimir estas pequenas falhas e trabalhar também numa maior qualidade da captação de imagem em situações com baixa luminosidade, estando a trabalhar num sensor que não prima pela resolução, mas sim pela capacidade de captação de luz.

Ver ainda: Que aplicações uso no meu OnePlus 3

Outra das novidades estará no processador. Como todos sabemos, o Pixel e o Pixel XL vêm equipados com o processador Snapdragon 821 da Qualcomm, pelo que seria de esperar que, para o futuro Google Pixel 2 a marca de processadores norte-americana fosse novamente a escolhida. Ao que parece, no entanto, há concorrência, com dispositivos de teste Pixel 2 a serem equipados não só com processadores da Qualcomm, mas também com processadores Intel e MediaTek.

Se muitos não terão apreciado o preço do Google Pixel e Pixel XL, esses muitos gostarão de saber que a empresa estará a testar também (e talvez seja esta a maior novidade) um novo dispositivo com especificações mais modestas, cujo nome será, ao que os rumores indicam, Google Pixel 2B. Como o nome indica, este smartphone deverá ser baseado no Google Pixel 2, mas estará um passo atrás tanto em performance como na sua qualidade, refletindo-se isto, naturalmente, no preço, podendo ser um novo concorrente para o tão apetecível mercado de gama-média.

Estas são, sem duvida, boas noticias sobre o topo de gama da Google. Para além de nos deixarem com água na boca, vêm confirmar que a aposta é para continuar, especialmente se a gama aumentar com o Pixel 2B. Aconselhamos, no entanto, como sempre, que estes rumores sejam levados com a consciência de que não são informações oficiais, pelo que, até informações vindas da própria Google, tudo isto poderá não se confirmar.

Outros temas relevantes:
“Mass Effect: Andromeda” Será um vício para amantes de No Man’s Sky
Nova imagem mostra as novas cores do futuro Huawei P10
Microsoft explica como funcionará o “Game Mode”

ViaPhone Arena
Fonte9to5Google
Editor 4gnews e estudante de Direito, nos tempos livres é mais provável encontrar-me a explorar novos géneros musicais, filmes e séries e a passar um bom tempo com amigos e família.