Google Pixel 2 passa pela FCC e revela a sua funcionalidade Active Edge

Carlos Oliveira
Google Pixel 2 active edge
Possível aspecto e cores do smartphone Google Pixel 2

A Google estará certamente a ultimar os preparativos para a apresentação dos seus Pixel 2 e Pixel XL 2. É desta forma que toda a imprensa tecnológica se tem dirigido aos novos smartphones da Google e têm sido já várias as informações avançadas sobre os mesmos.

Este ano, a gigante das pesquisas deverá apresentar dois equipamentos com algumas diferenças estéticas. De um lado deveremos ter um equipamento muito semelhante ao Pixel original e do outro um renovado design com margens reduzidas.

Vê ainda: Samsung Galaxy Note 9 poderá vir a detectar o álcool no sangue

No meio de todos os rumores já conhecidos, foi avançado que o Pixel 2 deveria contar com laterais sensíveis à pressão. Uma funcionalidade semelhante à introduzida no HTC U11, sendo esta uma clara herança da HTC para os terminais da Google.

Sim, porque será a HTC a construir este modelo, algo que foi agora confirmado pela entidade reguladora americana FCC. Esta mesma entidade confirmou ainda que as laterais sensíveis à pressão do novo Google Pixel 2 ficarão conhecidas como Active Edge.

Esta imagem foi difundida no Reddit e apresenta-nos as definições do novo Pixel 2. Nela podemos ver a secção dedicada à linguagem e gestos do equipamento, onde existe uma referência ao Active Edge.

A descrição aliada à funcionalidade Active Edge deixa ainda a antever que, pelo menos, será capaz de despertar a Google Assistant. Apenas é referido que a mesma será capaz de acordar uma assistente pessoal, mas sendo este um smartphone concebido pela Google, obviamente que será a Assistant a marcar presença no Pixel 2.

A Active Edge será certamente capaz de despertar a Google Assistant no Pixel 2

Analisando a imagem que foi agora libertada pela FCC podemos tirar ainda outras conclusões relativamente a este smartphone. Em primeiro lugar olhemos para as pistas que nos são deixadas relativamente às suas especificações.

A versão do Pixel 2 aqui retratada apresenta-se com 64GB de memória interna. O dispositivo que chegou às mãos da entidade reguladora americana mostra-se com 50.66GB livres, estando o restante ocupado pelas aplicações por defeito instaladas e do sistema operativo Android em si.

Sistema operativo esse que se apresenta na sua versão 8.0.1. Mais uma vez, os smartphones da Google chegarão ao mercado com a mais recente versão do Android à data, sendo que a versão 8.0 ainda nem sequer chegou ao mercado. Tal só deverá acontecer na próxima semana.

Por fim, vemos ainda referência ao processador deste smartphone pela referência "mw8998". Esta é precisamente a referência do Snapdragon 835, mas rumores afirmam que este Pixel 2 poderá chegar com o Snapdragon 836. Tal é possível, uma vez que, no ano passado, também os Snapdragon 820 e 821 apresentaram-se com a mesma referência "mw8996".

Os novos smartphones da Google deverão ser oficializados em outubro deste ano, celebrando um ano após a apresentação dos seus antecessores. Até lá muito mais ainda deverá ser falado sobre os mesmos e esperemos que a empresa ainda nos reserve uma surpresa no que respeita ao design destes equipamentos.

Outros assuntos relevantes:

Será este o Huawei Mate 10 que pode arrasar o iPhone 8 da Apple?

Sony Xperia XZ1 – surgem imagens da parte traseira deste smartphone

Viver com Bitcoin por 2 semanas não foi complicado! (vídeo)

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.