Google está a bloquear instalações de serviços Google nos smartphones Huawei

Filipe Alves
2 comentários

Se as coisas não estavam fáceis para a Huawei, agora ficaram ainda piores. Segundo o website alemão "huaweiblog" a Google está a bloquear a instalação dos seus serviços nos smartphones da Huawei.

Ou seja, os utilizadores que compram os smartphones da Huawei sem os serviços Google mas que pensam que podem instalar mais tarde, parece que as coisas serão mais complicadas do que o previsto.

Google bloqueia utilização de Apps nos smartphones Huawei

Google está a bloquear instalações de serviços Google nos smartphones Huawei

Em teoria, os utilizadores conseguirão instalar os serviços Google e as suas Apps. Contudo, ao abrir a aplicação terão uma surpresa pouco agradável.

Uma informação da Google Play Protect a indicar que o smartphone não oferece credenciais para utilizar os seus serviços. Assim sendo, as Apps e serviços já instalados simplesmente não funcionam.

Quem já instalou parece não ter problemas

As boas notícias é que quem já instalou os serviços Google num smartphone Huawei sem autorizações para tal não parece estar a ter o erro aqui referido.

A Huawei chegou mesmo a dizer que "a Google não manda naquilo que os utilizadores instalam nos smartphones da Huawei", pois bem, não deves provocar um monstro adormecido.

A Huawei está num beco sem saída

Google Play Store serviços Google Huawei

Não há muito que a Huawei possa fazer. A marca tem lutado para aumentar a qualidade e Apps na sua loja de aplicações, mas mesmo assim, comprar um smartphone Huawei significaria abdicar do Google Maps, YouTube, Gmail e por aí fora. Pessoalmente seria impossível viver sem esses serviços neste momento.

Agora resta à Huawei conseguir dar a volta à situação. O governo americano não parece propriamente feliz para negociar e a Google também se revelou decidida com a nova implementação.

Editores 4gnews recomendam:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.