Google atira a toalha e fecha estúdios da Stadia

Abílio Rodrigues
Comentar

A Google decidiu encerrar a sua divisão interna para o desenvolvimento de jogos para a plataforma de streaming Stadia, focando-se na oferta de jogos de terceiros. Menos de 18 meses após a criação dos estúdios a companhia fecha as portas dos seus escritórios em Montreal e Los Angeles.

O encerramento dos estúdios Stadia Games & Entertainment levam também à saída de Jade Raymond, produtora conhecida pela sua participação nas franquias Star Wars e Assassin’s Creed e líder da iniciativa Stadia.

Google Stadia aposta tudo nos videojogos de terceiros

Google Stadia

Esta tomada de posição da Google deixa 150 funcionários no desemprego, apesar da empresa parecer querer fazer um esforço para os integrar noutras divisões.

Apesar da reestruturação isto não significará o fim da Stadia como a conhecemos. A Google continuará a apostar tudo na subscrição do serviço, agora sem o peso de procurar criar de raiz conteúdos próprios para disponibilizar na plataforma.

Daqui para a frente o foco será colocado nos títulos third-party, mobilizando os recursos para convencer os estúdios externos a colocarem as suas ofertas na Stadia. Mais jogos no serviço significa um aumento do número de utilizadores graças a uma oferta mais diversificada.

Mais ainda, a Google pode tentar licenciar a tecnologia da Stadia a outras editoras e produtoras, maximizando o investimento já feito nos estúdios e recursos anteriormente criados.

Decisão tomada a pensar no futuro da Stadia

Os responsáveis pela Google olham para esta decisão como sendo estratégica para o futuro sustentável da Stadia, um serviço que tem surpreendido pela positiva graças à sua qualidade.

A verdade é que esta decisão não é surpreendente, já que um investimento avultado na produção de videojogos próprios antes sequer de avaliar como seria a resposta do público à plataforma sempre pareceu algo precipitado.

A Google pode agora seguir o modelo da Microsoft, que se recusa a oferecer jogos numa só plataforma e é dona daquele que é talvez o serviço de subscrição de videojogos mais popular do mercado.

Os estúdios da Stadia nunca chegaram a anunciar qualquer videojogo, apesar de terem garantido que estariam vários títulos planeados.

Caso algum esteja próximo da data de lançamento é possível que ainda chegue ao catálogo do serviço, mas nesta fase parece algo improvável.

Editores 4gnews recomendam:

Abílio Rodrigues
Abílio Rodrigues
Apaixonado por tecnologia desde que montou o seu primeiro computador, continua em fase lua-de-mel com tudo o que envolva um processador e permita umas sessões videolúdicas.