Foi piada agora é real: NVIDIA anuncia assistente IA para te guiar nos jogos

Afonso Henriques
Afonso Henriques
Tempo de leitura: 2 min.

Quando a NVIDIA anunciou, originalmente, o G-Assist, foi num tom de brincadeira, em contexto de dia das mentiras no dia 1 de Abril de 2017. A anedota consistia num assistente de inteligência artificial que não só ajudava o utilizador nos seus videojogos online, como também ia atender a porta de casa para receber uma entrega de pizza.

Sete anos depois, o G-Assist torna-se uma realidade - neste momento, apenas em em formato de demonstração como um assistente de inteligência artificial, no entanto, revela-se, desde já, extremamente capaz.

O Projeto G-Assist, de momento, é apenas uma demonstração técnica, mas é um breve olhar sobre como um assistente de inteligência artificial poderá vir a guiar o utilizador por jogos de PC e até configurar as definições ideais para cada pessoa, tudo com base em prompts dadas a um chatbot, à semelhança do Chat GPT.

As capacidades do G-Assist

Na demonstração em questão, a NVIDIA mostra o G-Assist a responder a inputs de voz - neste caso, a pergunta era relativa ao novo jogo de sobrevivência ARK: Survival Ascended: “Qual é a próxima arma early-game e onde posso encontrar os seus materiais de fabrico?” O robô de IA responde prontamente, aliado ao facto de que este assistente consegue, inclusive, ler tudo o que está a acontecer no ecrã do jogador.

G-Assist ARK

O novo projeto da NVIDIA consegue, à semelhança daquilo que o GeForce Experience oferece, otimizar e ajustar definições do PC e de cada jogo, proporcionando gráficos de latência e de FPS à necessidade do utilizador.

Consegue também ler o sistema e reparar em falhas ou más otimizações dentro da gameplay do utilizador. Consegue reparar, por exemplo, que o jogo esteja a correr a 60Hz quando o monitor tem capacidade de suportar 240Hz. Consegue inclusive, a pedido do utilizador, aumentar a performance do PC dentro de um jogo, através de mudanças nos gráficos, nas definições de hardware ou até mesmo ao realizar um overclock na GPU.

Por enquanto, o G-Assist é apenas uma demonstração, por isso, iremos precisar de esperar até um lançamento definitivo para saber as capacidades totais deste robô de inteligência artificial. No entanto, este revela-se, com as funcionalidades que tem até agora, um projeto inovador e com capacidade para ser revolucionário na área do gaming e na relação entre utilizador e software.

Afonso Henriques
Afonso Henriques
O Afonso tendo explorado algumas áreas, sempre teve um gosto especial por jornalismo. Ávido apreciador de videojogos e tecnologia desde muito novo.