Fica a conhecer o smartphone Huawei que esgotou em segundos

Mónica Marques
Comentar

Hoje, a Huawei lançou uma versão especial do seu smartphone dobrável Mate X2 e em apenas alguns segundos o modelo esgotou.

O sucesso foi tanto que a versão otimizada do modelo chegou a atingir um valor superior a dois mi euros.

Memória RAM do Huawei Mate X2 foi ampliada para 12 GB na versão Collector's Edition

Huawei Mate X2

Hoje, a Huawei lançou, na China, o Mate X2 Collector's Edition, uma versão otimizada do seu smartphone dobrável. E o modelo teve tanto sucesso entre os utilizadores que esgotou em poucos segundos.

A nova edição do dobrável Huawei apresenta uma boa melhoria nas suas especificações. A memória RAM original de 8 GB foi ampliada para 12 GB neste novo modelo que conta também com 512 GB de armazenamento. Mas as diferenças entre os dois modelos ficam-se por aqui.

Saliente-se que esta edição de colecionador (quando traduzido à letra) está equipada com o processador HiSilicon Kirin 9000 que oferece suporte a comunicações 5G. Mas uma vez que a Huawei sofreu uma redução no fornecimento de chips e está limitada ao stock que tem, este factor pode ter inflacionado o custo da nova versão que atingiu um preço superior a dois mil euros – mais especificamente, cerca de 2.600 euros.

Mas o sucesso do novo terminal foi tanto que alguns utilizadores recorreram à plataforma online para revender o modelo que tinham e nessa situação, a licitação mais alta para o Huawei Mate X2 Collector's Edition foi de 2.900 euros.

Especificações do Huawei Mate X2 Collector's Edition

Huawei Mate X2

Na realidade, o dobrável da Huawei tem argumentos de peso que não estão apenas relacionados com o facto de esta ser um edição única. Além dos 12 GB de memória RAM e processador HiSilicon Kirin 9000, o modelo conta com um ecrã interior com oito polegadas e 2480x2200 pixéis de resolução e um exterior com 6,45 polegadas que regista uma resolução de 2700x1160 pixéis.

O Huawei Mate X2 Collector's Edition integra ainda uma configuração de câmara traseira quádrupla com um sensor principal de 50 megapixéis, um ultra angular de 16 megapixéis e mais dois sensores, um com 12 e outro com oito megapixéis. Na zona frontal conta com uma câmara de 16 megapixéis.

Com as vendas hoje da edição especial do seu smartphone dobrável, a Huawei mostra que o seu sucesso em território chinês mantém-se inalterado.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira.