Facebook vai apostar na saúde com serviço de monitorização

António Guimarães
Comentar

Conforme confirma a OneZero, uma função de saúde do Facebook começou a surgir para alguns utilizadores. A rede social gigante tem vindo a falar há alguns meses das suas intenções de implementar um serviço de monitorização de saúde integrado na rede social e apps.

Este não será um serviço tão avançado como os da Apple e Google, no entanto. Estas empresas armazenam dados médicos, oferecem funcionalidades de leitura de batimentos cardíacos (ou no caso do Apple Watch 5, eletrocardiograma) e agem como um doutor integrado nos serviços.

Contudo, o Facebook pretende oferecer um serviço mais simplificado. A rede social terá um separador de saúde, onde utilizadores serão relembrados de fazer exames de rotina. No caso dos Estados Unidos, o Facebook irá integrar lembretes da Sociedade Americana contra o Cancro.

Para que o utilizador possa fazer uso destas funções, terá de preencher as informações de idade e sexo para começar a receber recomendações. Para já não existem datas de lançamento de uma versão final, podendo estar apenas em testes nos Estados Unidos.

Os dados não serão confidenciais

Conforme indica Emily Mullin, na sua publicação no Twitter, as informações de saúde partilhadas não são cobertas pela Lei de Portabilidade e Responsabilidade do Seguro de Saúde, presente na lei dos Estados Unidos.

Significa que o Facebook não é obrigado a manter sigilo sobre os dados médicos partilhados pelos seus utilizadores. É claro que tanto a empresa como Mark Zuckerberg já distribuíram os habituais discursos de privacidade mas dado o histórico da empresa com escândalos de dados, é difícil ter plena confiança.

Editores 4gnews recomendam:

  • Google Maps tem uma nova característica de design que vais adorar para ver planetas!
  • WhatsApp vai deixar de funcionar nestes smartphones Android e iOS em 2020
  • Executivo da Huawei diz que "sobreviver em 2020 é a prioridade"
António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.