Estes serão os próximos smartphones da Huawei a chegar à Europa

Filipe Alves
Comentar

A Huawei pode até não estar na melhor das situações. Contudo, nada para a fabricante de lançar novos smartphones. Ao que parece, temos uma lista bem aliciante de próximos equipamentos a chegar à Europa.

A lista foi partilhada pelo conhecido leaker @EvLeaks e mostra-nos uma boa quantidade de dispositivos Huawei e Honor que estão prestes a chegar. Entre os smartphones também podemos encontrar um computador portátil

Novos smartphones Huawei a chegar à Europa

Modelo Codinome
HUAWEI Mate40 Lite E FRL
HUAWEI P Smart 2021 PPA
HUAWEI P Smart Pro 2021 FRL
HUAWEI Y9a FRL
HUAWEI Y7a PPA
HUAWEI xxx JSC

Modelos Honor a chegar à Europa

Modelos Honor Codinome
HONOR HUNTER V700 FRD-WDG9 / FRD-WFD9
HONOR MagicBook Pro (PC)
HONOR 10C DDG
HONOR xxx HJC
HONOR xxx HCL

Nas tabelas acima vemos alguns modelos com o "xxx". Isto significa que ainda não há informações concretas sobre o nome dos smartphones. Contudo, temos os nomes dos modelos que nos dá a entender que eles existem.

Huawei continua com o pé no acelerador

Huawei smartphones

Mesmo com uma situação um pouco ingrata (diga-se de passagem), a Huawei continua a apostar forte no segmento de smartphones. Infelizmente, todos estes modelos não chegarão com os serviços Google instalados.

Esta decisão do governo americano está a prejudicar seriamente a marca. De referir que antes desta situação a Huawei estava bem encaminhada para liderar o mercado de smartphones.

Neste momento a Huawei tem ganho à Samsung no volume de dispositivos vendidos, todavia, a maior parte destes terminais são vendidos na China. Onde os serviços Google não são um problema porque não estão disponíveis.

Esperemos sinceramente que a situação mude rapidamente. A Huawei tornou-se importante demais para ser ignorada.

Editores 4gnews recomendam:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.