Elon Musk surpreende: CEO da Tesla quer comprar o Twitter e faz proposta bilionária

Bruno Coelho
Comentar

O CEO da Tesla, Elon Musk, anunciou recentemente que comprara 9,2% do Twitter. Essa compra fez imediatamente disparar as ações da empresa, mas o executivo acabaria por recusar fazer parte do Conselho de Administração da rede social.

Seguiram-se algumas críticas de Elon Musk à rede social, mais especificamente à moderação de conteúdos na plataforma. Este criticou inclusivamente celebridades com grande número de seguidores que passam meses sem fazer um único tweet.

Elon Musk quer comprar o Twitter por 43 mil milhões de dólares

Parecia que esta história iria ficar, mas esta quinta-feira Elon Musk fez um tweet onde revela que lançou uma oferta pública de aquisição do Twitter. O executivo propõe-se a pagar 54,2 dólares (50,03 euros) por ação.

I made an offer https://t.co/VvreuPMeLu

— Elon Musk (@elonmusk) 14 de abril de 2022

Segundo a Bloomberg, esta proposta configura-se num prémio de 54% em relação ao valor das ações da rede social a 28 de janeiro. A oferta ascende assim aos 43 mil milhões de dólares (39,669 mil milhões de euros).

É bom recordar que Elon Musk é um dos utilizadores mais populares do Twitter, e acérrimo utilizador da mesma. Conta com mais de 80 milhões de seguidores, e as suas opiniões geram muitas vezes grande burburinho entre a comunidade.

Twitter elon musk

Depois deste anúncio, o Twitter respondeu oficialmente em comunicado afirmando “ter recebido a oferta” de Elon Musk. O conselho de administração vai agora “examinar com atenção a oferta para determinar a linha de conduta que considera melhor servir os interesses da empresa e de todos os acionistas“, lê-se em comunicado noticiado pela Agência Lusa.

A fortuna de Elon Musk está avaliada em 260 mil milhões de dólares.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.