Depois da Xiaomi é a vez da Huawei copiar o incrível Motorola Razr dobrável!

Filipe Alves
4 comentários

Depois da Xiaomi é a vez da Huawei seguir o design do Motorola Razr 2019. O Motorola Razr 2019 foi revelado de forma oficial e fez o mundo falar sobre o novo telemóvel dobrável. O equipamento que "mata" os ecrã que ficam ainda maiores ao desdobrar e que em vez disso nos dá um equipamento que fica mais pequeno.

Pois bem, logo depois da sua revelação foi vista uma patente da Xiaomi que promete um dispositivo idêntico. Um smartphone do tamanho "normal" que ao dobrar fica mais pequeno. Agora é a vez da Huawei!

Patente da Huawei imitando o Motorola Razr 2019

Huawei Patente copia Motorola Razr 2019

Na patente podemos ver um smartphone do tamanho "normal" mas com pequeno recortes no centro. Estes recortes são onde o smartphone irá dobrar para ficar mais pequeno.

Na segunda imagem da patente podemos ver o dispositivo dobrado e conseguimos perceber que o objetivo é basicamente o mesmo. Dar-nos um equipamento que fica mais pequeno quando não está a ser utilizado.

Huawei Patente copia Motorola Razr 2019

A diferença desta imagem da patente da Huawei para o novo Motorola Razr 2019 é o centro do equipamento quando fechado. Enquanto que no Motorola temos um dispositivo sem qualquer tipo de abertura ao centro mesmo depois do equipamento estar dobrado, nesta patente não é o caso.

Quando teremos smartphones destes no mercado

Tudo indica que o ano de 2020 será impressionante para os telemóveis dobráveis. Este ano tivemos os primeiros dispositivos a chegar ao mercado com uma ideologia dobrável, contudo, os problemas de produção fizeram atrasar a sua chegada.

Motorola Razr 2019

A Motorola veio mostrar aquilo que muitos pediam. Um smartphone que pudesse, finalmente, ficar mais pequeno quando dobrado. O formato concha que dominou os telemóveis dos inícios dos anos 2000.

Esperemos que a tendência siga para esses lados e esperemos ainda que a tecnologia fique mais barata. Isto porque o Motorola é o smartphone dobrável mais barato do momento e custa cerca de 1500€.

Editores 4gnews recomendam:

4 comentários
Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.