Cuidado! As SMS fraudulentas continuam a circular e em nome de mais empresas

António Guimarães
Comentar

Há umas semanas, falámos de como andaram a circular SMS fraudulentas em nome da Worten. Essas tinham como intenção recolher dados de utilizadores e fazer subscrições a serviços, cobrando valores às vitimas.

Infelizmente, essas mensagens voltaram a surgir de forma diferente, sob o nome de outras empresas. Os exemplos abaixo mostram-te duas SMS fraudulentas em nome do serviço de subscrição Netflix e do banco BPI.

sms

O primeiro exemplo mostra-te uma suposta mensagem do Netflix a indicar que a tua conta foi desativada e que necessitas de atualizar os dados de pagamento. No caso da segunda mensagem, o modo de operação é semelhante. A mensagem diz que o telemóvel não está registado, sendo que o utilizador perdeu acesso ao Homebanking.

Como é normal nestes esquemas, é sempre dado um link que o utilizador deve abrir para 'resolver a situação'. Faças o que fizeres, nunca abras os links. Serás redirecionado para uma página que irá pedir-te dados pessoais ou financeiros ou tentar instalar malware no teu telemóvel.

Como evitar este tipo de fraude

Infelizmente, é difícil evitar receber este tipo de mensagens. O melhor que podes fazer é ter atenção em que sites te inscreves, registas e os dados que colocas. Informações pessoais são uma moeda de troca valiosa nos dias que correm, cobiçadas por criminosos para fazer todo o tipo de ataques.

Caso te encontres vítimas de um destes ataques, verifica se existe alguma informação para cancelamento no site que abriste e caso não consigas, recorre às autoridades (a tua operadora ou o teu banco podem conseguir ajudar-te).

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.