Controla o teu iPhone com os olhos com esta aplicação grátis

Filipe Alves
Comentar

O iPhone só é o que é devido às aplicações. Estas aplicações feitas por milhares de desenvolvedores dão mais vida ao teu equipamento e fazem dele verdadeiramente teu.

Hoje temos uma aplicação que vais adorar. Não é toda a gente que se pode gabar que tem um smartphone que pode ser controlado com os olhos. Para isso só precisas de um iPhone com a camara TrueDepth. Ou seja, um iPhone X, Xs, Xs Max ou iPhone Xr.

Hawkeye Access é uma aplicação que controlas com os teus olhos

Assim que abres a aplicação é solicitado para calibrares o equipamento com o teu olhar. tens de olhar para vários pontos e seguir as instruções. O mais complexo ainda pode ser manter os olhos abertos quando queres "clicar" em alguma funcionalidade.

A aplicação tem um "tema" próprio. Ou seja, não podes controlar o teu iPhone como ele é. Tens apenas algumas Apps disponíveis. Ainda assim é uma aplicação valiosa para todos aqueles que por algum motivo não conseguem controlar o equipamento com as mãos.

Sinto apenas falta de uma aplicação como o Spotify. Acredito plenamente que quem usa este tipo de aplicação goste também de ouvir música. Contudo, compreendo o facto de ter poucas aplicações. Afinal de contas, todas elas precisam de estar preparadas para tal.

Apps disponíveis na aplicação

  • Wikipédia
  • Amazon
  • Google News
  • Yahoo Sports
  • Weather Channel
  • Apple
  • Pesquisa Google
  • Web
  • Facebook
  • Instagram
  • Youtube
  • Twitter

Controlar o iPhone com os olhos parece magia

Apple iPhone controlar com os olhos

No que toca à experiência, acredito que possa ser melhorada. Ainda assim, temos de louvar os desenvolvedores. A aplicação é fantástica só pelo facto de conseguires controlar com os olhos.

Nesta aplicação consegues também ter a noção do quão os sensores do Face ID são corretos.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.