Comboio 'flutuante' super rápido está a ser desenvolvido na China

António Guimarães
Comentar

A China revelou um protótipo de um comboio que se desloca através de levitação magnética. Este está a ser desenvolvido para alcançar velocidades até 600 km/h. A China já possui um comboio com a mesma tecnologia intitulado Shanghai Maglev que atinge 431 km/h.

Desde 2003 que o Shanghai Maglev transporta passageiros desde o aeroporto de Shanghai até ao centro da cidade. O comboio consegue cobrir a distância de 30 quilómetros em apenas 8 minutos. No entanto, a China pretende um comboio ainda mais rápido.

Um dos engenheiros de uma companhia ferroviária chinesa afirma que o novo Maglev fará viagens mais rápidas que um avião. O engenheiro deu o exemplo que uma viagem de Beijing até Shanghai pode demorar 4.5 horas de avião e apenas 3.5 no Maglev.

Como funciona a levitação magnética

Esta tecnologia utiliza as forças opostas de imans para propulsionar o comboio nas linhas. Não existe qualquer contacto entre as carruagens e as linhas, tornando o comboio literalmente flutuante.

Sendo que o único atrito (resistência) é o ar em si, este tipo de veículo consegue atingir velocidades impressionantes. Estes comboios tem um consumo baixo de energia e são bastante silenciosos.

Contudo, a tecnologia é bastante dispendiosa. Apenas a China possui a única linha comercial com esta tecnologia, a já mencionada linha de Shanghai.

O Japão também é famoso pelos seus comboios super rápidos. Em 2015, foi testado um comboio com levitação magnética que conseguiu atingir uma velocidade de 603 km/h.

Os comboios comerciais mais rápidos do mundo

Shanghai Maglev (China) 429 km/h

Fuxing Hao (China) 400 km/h

Shinkansen H5 e E5 (Japão) 360 km/h

Italo e Frecciarossa (Itália) 354 km/h

Renfe AVE (Espanha) 349 km/h

É evidente que a China e Japão são os campeões dos comboios super rápidos. Aqui em Portugal o comboio mais rápido que temos é Alfa Pendular. Este veiculo liga-se a todas as cidades principais do país e tem uma velocidade máxima de 220 km/h.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.