"Buraco" no ecrã das câmaras frontais será reduzido em 2020, afirma leaker

António Guimarães
Comentar

O famoso leaker do Twitter Ice Universe partilhou uma publicação interessante sobre as câmaras frontais em 2020. Baseando-se nos existentes Samsung Galaxy Note 10 e Note 10+, o leaker prevê que em 2020, os "buracos" nos ecrã serão ainda menores, de 3mm ou ainda menos.

2020 will be the time when HID (Hole in display) will become popular.We will see a 3.0mm or smaller Hole appearing on the phone. Below is a comparison of 4.5mm (Note10), 4.0mm, 3.5mm, 3.0mm Hole. pic.twitter.com/cpgbWG9Wm4

— Ice universe (@UniverseIce) 13 de novembro de 2019

Em comparação, a câmara frontal dos Galaxy Note 10 está colocada num buraco de 4.5mm. Um buraco de 3mm ou menos seria notoriamente menor e aumentaria ainda mais o espaço útil do ecrã. Assim sendo esta poderá ser uma opção viável para a Samsung e outras fabricantes: reduzir o tamanho do buraco.

Esta solução é parecida com o que já foi feito com a notch. As notches começaram por ser enormes no iPhone X e foram encolhendo, conforme outras fabricantes pegavam no conceito. Atualmente, telemóveis lançados com a notch fazem-no com o formato de "gota", que é considerado mais contemporâneo.

Câmaras debaixo do ecrã ainda estão longe

Além das notches e buracos no ecrã, a solução do futuro será certamente colocar os sensores de câmara debaixo do ecrã, como já acontece com os leitores de impressão digital. No verão, a Oppo revelou a primeira câmara debaixo do ecrã, embora ainda não esteja disponível em nenhum equipament comercial.

OPPO's brand new solution for full-screen display - Under-screen Camera (USC) has just been unveiled here at #MWC19 Shanghai! #MoreThanTheSeen pic.twitter.com/k5qEQ3QNta

— OPPO India (@oppomobileindia) 26 de junho de 2019

Manter os sensores debaixo do ecrã parece eliminar o problema que as marcas tem vindo a tentar solucionar: não ter 100% de aproveitamento de ecrã. Com leitor biométrico e câmaras debaixo do vidro, o futuro parece promissor. No entanto, só iremos ver telemóveis do género por volta de 2021, até a tecnologia ser aprimorada.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.