BlackBerry Priv - Smartphone deixa de receber atualizações

Carlos Oliveira
Blackberry Priv smartphone
Blackberry Priv

A BlackBerry é uma das empresas tecnológicas lideres de mercado há uma década atrás e que se viu quase obrigada a encerrar a sua atividade. Durante muito tempo os equipamentos da marca eram o pináculo da segurança mobile, mas com as constantes mudanças no setor a sua influência foi diminuindo. No entanto, a marca foi capaz de se reerguer com um novo conceito, desta feita adotando o Android, tendo sido o BlackBerry Priv o primeiro smartphone desta nova era.

Vê ainda: 28 aplicações gratuitas na Google Play Store para o teu Android

O BlackBerry Priv foi apresentado ao mundo em outubro de 2015, tendo chegado às lojas um mês depois. Este foi o primeiro smartphone da empresa canadiana com o sistema operativo Android e que muita curiosidade suscitou entre aqueles que outrora foram testemunhas dos anos dourados da marca.

Importa frisar que este era um verdadeiro topo de gama à data da sua apresentação. Características como um Snapdragon 808, 3GB de RAM, 32GB de memória interna e uma câmara principal de 18MP eram algumas das especificações de topo da altura.

No entanto, os anos vão passando, novos equipamento vão sendo lançados com melhores características e é natural que as marcas vão focando os seus esforços neles. Nesse sentido, em setembro foi anunciado que o Priv não seria atualizado para o Android Nougat, o que significa que o equipamento se ficará pela versão Marshmallow.

É o fim de um ciclo. Smartphone BlackBerry Priv deixa de ser suportado pela sua própria marca

Agora é tempo de fechar um ciclo. Com efeito, a empresa canadiana anuncia que deixará de atualizar, por completo, o seu BlackBerry Priv. Esta triste notícia para todos os detentores deste smartphone foi dada por Alex Thurber, diretor geral da BlackBerry Solutions, no blog oficial da empresa.

Na declaração proferida, Thurber afirma que agora que o smartphone completou dois anos no mercado, não serão disponibilizadas mais atualizações. Dadas as preocupações naturais em termos de segurança do equipamento, ele afirma que os seus parceiros serão encorajados a disponibilizar as correções necessárias. Contudo, tendo a própria marca deixado de lado este equipamento, duvido que haja muita preocupação de terceiros em atualizá-lo.

Aproveitando a ocasião, Alex Thurber anunciou ainda a criação de um programa de trocas da marca, no qual o BlackBerry Priv estará incluído. Desta forma, utilizadores até mais antigos que ainda usem equipamentos BB10 ou BBOS, poderão mudar para um dos novos BlackBerry KEYOne ou Motion.

Importa, por fim, relembrar que o Priv foi lançado ainda nos tempos em que a empresa canadiana desenvolvia e comercializava os seus próprios equipamentos. Neste momento, a mesma está licenciada à TCL, que é agora a responsável por todas estas etapas.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Capa do Samsung Galaxy S9 mostra as diferenças face ao Galaxy S8

MediaTek Sensio – a aposta da MediaTek no “coração” dos smartphones

Huawei P11 será apresentado no primeiro trimestre de 2018

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.