Baixa nas vendas dos iPhones também estão a afetar a Samsung: entende porquê

António Guimarães
Comentar

O jornal coreano ETNews relatou que a divisão de ecrãs da Samsung está pedir compensação monetária à Apple em milhões de dólares. Isto por causa do acordo de fornecimento que a Apple tem com a Samsung Display.

A Samsung Display fabrica os ecrãs OLED que estão presentes nos iPhones da Apple. Contudo, devido ao decréscimo de vendas de iPhones nos últimos meses, a Apple não adquiriu a quantidade de painéis que tinha sido previamente acordada. Supostamente ambas as empresas estão em negociação mas ainda não chegaram a acordo.

Este conflito está a ser alimentado provavelmente pelo investimento que a Samsung fez numa fábrica de painéis, especificamente para fornecer ecrãs OLED à Apple. A produção dessa fábrica caiu para 50% por consequência no decréscimo de vendas de iPhones.

Ambas as empresas estão a sofrer com prejuízos

Desde o final de 2018 que as vendas de iPhones começaram a estagnar seriamente. A Apple já nem anuncia publicamente o seu volume de vendas. Cada vez menos pessoas trocam de iPhone, além de que o preço de cada modelo é cada vez mais alto, chegando aos 4 dígitos com o iPhone X.

Em relação à Samsung Display, o seu lucro desceu consideravelmente pois em 2017, a empresa lucrou 5 milhões de dólares. Em 2018, os lucros ficaram pelos 2.2 milhões de dólares, uma descida anual de mais de 50%.

Estes números refletem a tendência atual do mercado dos smartphones, que tem vindo a descer. A única empresa a remar contra essa maré é a Huawei. No entanto, com as proibições dos Estados Unidos, a empresa viu-se forçada a encarar uma grande queda nas vendas este ano.

Comentar
António Guimarães
António Guimarães
Juntamente com os seus atuais companheiros Mi A2 e Surface Go, batalha para elucidar as massas sobre todos os acontecimentos da esfera tecnológica. "Informação é poder" é a frase que o acompanha diariamente. Talvez um dia a coloque numa t-shirt.