Até agora, estes são os smartphones mais populares de 2021

Mónica Marques
Comentar

A antecipar o balanço de final de ano, foram agora revelados os smartphones mais populares nos primeiros três trimestres de 2021.

Como esperado, a Apple continua a dominar as preferências ocupando quatro dos cinco lugares do pódio cimeiro. Apenas uma marca consegue fazer-lhe frente. Fica a saber tudo neste artigo.

iPhone 12 é o preferido dos utilizadores, a nível global

apple iphone 12
O iPhone 12 está no topo das preferências dos utilizadores

Ainda não é a melhor altura para fazer um balanço sobre o ano de 2021, mas passados nove meses é já possível ter uma ideia das preferências dos utilizadores, a nível global, no que diz respeito ao mercado de smartphones.

E, com essa ideia em mente, a conhecida empresa IDC acaba de revelar quais foram os smartphones mais populares nos primeiros três trimestres de 2021. Sem surpresa, a Apple continua a dominar as preferências com a marca a ocupar quatro dos cinco lugares cimeiros deste ranking.

Assim, em primeiro lugar está o iPhone 12 como smartphone mais vendido, a nível global, nos nove meses que já passaram de 2021. Já nos terceiro, quarto e quinto lugares estão o iPhone 11, iPhone 12 Pro Max e o iPhone 12 Pro, respetivamente.

Apenas uma marca consegue fazer frente à Apple colocando-se em segundo lugar nas preferências dos utilizadores. Ao som do rufar de tambores, fazemos a revelação: a Samsung com o seu terminal Android Galaxy A12.

iPhone 13 ainda não teve tempo para se tornar uma preferência global

Samsung Galaxy A12
Samsung Galaxy A12 ocupa o segundo lugar dos smartphones mais populares dos primeiros trimestres de 2021

E para aqueles que estão surpreendidos pelo novo iPhone 13 não se encontrar entre os favoritos globais, recordamos que o modelo só foi lançado no terceiro trimestre e, como tal, não teve ainda tempo suficiente no mercado para entrar num ranking destes.

Obviamente, que num futuro balanço que abranja todo o ano de 2021, o novo modelo da Apple já conseguirá alcançar uma posição mais próxima do topo.

Infelizmente, a IDC não revela as unidades vendidas de cada um destes modelos. Muito possivelmente estará a reservar essa informação crucial para um balanço mais aprofundado que inclua a totalidade do ano de 2021. Mas, para já, ficamos a conhecer a tendência de preferências dos utilizadores.

E, neste campo, que não existam dúvidas sobre a estratégia de mercado da Apple que continua a funcionar muito bem juntos dos seus utilizadores.

Crise de escassez de componentes terá afetado a Xiaomi

Redmi Note 11
A Xiaomi só apresentou o flagship Redmi Note 11 no final de Outubro

Uma das grandes surpresas nesta análise de mercado da IDC é a ausência da Xiaomi. Mas de acordo com dados anteriormente revelados pelas empresas Counterpoint Research e Canalys, a fabricante chinesa foi penalizada pela crise global de escassez de chips, tendo sido ultrapassada pela Apple nas unidades vendidas de smartphones.

A própria Xiaomi assumiu que a queda nos seus resultados financeiros estava diretamente relacionada com este fator, quando apresentou o seu relatório de contas referente ao terceiro trimestre deste ano.

De acordo com a marca chinesa, no terceiro trimestre de 2021, a empresa vendeu vendeu 43,9 milhões de smartphones a nível global, o que se traduziu numa queda de 6% em relação ao período homólogo de 2020.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira.