Apple revela a real capacidade das baterias dos iPhone 13

Carlos Oliveira
Comentar

Como de costume, a Apple não se alongou em detalhes acerca da capacidade das baterias dos novos iPhone 13. A empresa americana limitou-se a divulgar o tempo a mais que os utilizadores devem esperar da utilização dos novos equipamentos.

Contudo, a incerteza acerca da capacidade das baterias dos iPhone 13 foi destruída pela Apple. A própria empresa sediada em Cupertino forneceu as especificações das células dos seus novos smartphones ao site Chemtrec.

Eis a capacidade das baterias dos iPhone 13

  • iPhone 13 Mini - 9.34Wh
  • iPhone 13 - 12.41Wh
  • iPhone 13 Pro - 11.97Wh
  • iPhone 13 Pro Max - 16.75Wh

Apple iPhone 13

O mercado e os utilizadores estão habituados a conhecer a capacidade das baterias dos smartphones em mAh. Contudo, a Apple divulgou a capacidade das novas células em Wh que, aliás, oferecem uma visão mais concreta da capacidade dessas células.

Após a divulgação destes valores, conclui-se que todos os modelos tiveram um aumento na capacidade de armazenamento de energia. Ou seja, os ganhos na autonomia não se justificarão apenas pelo processador mais eficiente já que as baterias são efetivamente maiores.

Com efeito, o iPhone 13 Mini beneficia de um aumento na capacidade da sua bateria de 9% face ao seu antecessor. Já no iPhone 13 temos um incremento de 15,1%, no iPhone 13 Pro 11% e finalmente no iPhone 13 Pro Max 18,5%.

É curioso notar que os iPhone 13 e iPhone 13 Pro não partilham a mesma bateria como anteriormente. Apesar de terem a mesma dimensão física, o iPhone 13 Pro tem uma célula menor, mesmo com um ecrã de 120Hz que certamente necessitará de mais energia.

Assim se percebe porque o iPhone 13 Pro é um dos modelos que terá o menor incremento de autonomia. Durante a apresentação, a Apple referiu que o iPhone 13 Mini e o IPhone 13 Pro teriam mais 1,5 horas de autonomia. Já os iPhone 13 e iPhone 13 Pro Max ganhariam mais 2,5 horas de uso face aos seus antecessores.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.