Apple Music HiFi traz áudio espacial e "lossless" sem custo acrescido. Adeus Spotify!?

Rui Bacelar
Comentar

O serviço de streaming de música da gigante de Cupertino, o Apple Music, já oferece o formato lossless audio e o Áudio Espacial aos subscritores da plataforma, sem custo acrescido. É um grande reforço da qualidade do áudio para a plataforma rival do Spotify.

Se já tens uma assinatura do Apple Music terás apenas que escolher a opção "lossless audio" nas definições de som. Por outro lado, o áudio espacial será ajustado automaticamente e aplicado aos conteúdos, sempre que forem detetados auscultadores compatíveis.

O Apple Music acaba de ultrapassar o serviço da Spotify

Apple Music

Esta é uma das melhores notícias que podíamos dar aos atuais assinantes do serviço Apple Music. Não há nenhum custo acrescido para quem quiser tirar proveito da maior qualidade de áudio (compressão sem perdas) através desta plataforma.

Portanto, apesar de existirem diversos serviços de streaming de música, cada qual com as suas vantagens e desvantagens, até ao momento nenhuma se comparava à qualidade oferecida pela Tidal. Com efeito, esta destacava-se pelo streaming de lossless audio.

Enquanto isso, as principais rivais como a Spotify e a Apple Music até então, dependiam dos formatos AAC e MP3, entre outros com maior compressão e diminuição da qualidade. Agora, este status quo foi subitamente alterado após alguns teasers da Apple.

A melhor qualidade de áudio, sem custos, chega ao Apple Music

The next dimension of sound is coming.Announcing #SpatialAudio, featuring #DolbyAtmos. pic.twitter.com/np8UjNusmF

— Apple Music (@AppleMusic) 17 de maio de 2021

O formato lossless audio é essencialmente o melhor padrão de qualidade a que podemos, razoavelmente, ambicionar num serviço de streaming de música. Importa ainda frisar que o suporte para áudio espacial será mediado pelo formato Dolby Atmos.

São, portanto, duas novas regalias e um considerável aumento da qualidade do serviço, sem alterações no preço. O valor da assinatura é de 9,99 €/mês após o período experimental, bem como o plano Apple One, familiar e para estudantes.

“Lossless” refere-se a áudio sem perda de qualidade até 48 kHz

Apple Music
Caraterísticas gerais do serviço de streaming de música disponíveis na página dedicada

É um formato de compressão de música que reduz o tamanho do ficheiro original mantendo a qualidade dos dados. A partir de agora, o serviço Apple Music disponibiliza o catálogo de mais de 75 milhões de músicas em áudio Lossless a diferentes resoluções.

No serviço Apple Music, o termo “Lossless” refere-se a áudio sem perda de qualidade até 48 kHz. Mais concretamente, “Hi-Res Lossless” significa áudio sem perda de qualidade com resolução de 48 kHz a 192 kHz.

Note-se ainda que os ficheiros Lossless e Hi-Res Lossless são mais pesados e necessitam de maior largura de banda e espaço de armazena­mento do que os ficheiros AAC normais.

Tal como aponta a tecnológica na página do serviço, para ouvir em áudio Lossless com a mais recente app Apple Music no iPhone, iPad, Mac ou Apple TV.7 Ative o áudio Lossless em Definições > Música > Qualidade de som.

Aí o utilizador pode escolher entre Lossless e Hi-Res Lossless para ligações Wi‑Fi ou de rede móvel. Vale ainda frisar que o formato Hi-Res Lossless requer um dispositivo externo como um conversor digital-analógico (DAC) USB.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.