Apple: Já há datas para o evento de Novembro! Agora é a vez dos computadores Mac!

Filipe Alves
Comentar

Parece que a Apple não para. Num curto espaço de meses a Apple revelou uma enorme quantidade de produtos. Ainda que 2020 tenha sido um ano atípico, a Apple parece estar mais forte que nunca.

Primeiramente foi o SE. Logo depois tivemos os novos iPad. Agora os iPhone 12 e em novembro teremos os novos computadores Mac. Segundo o conhecido leaker Jon Prosser o evento já tem data marcada.

Dia 17 de novembro será o evento da Apple

To confirm, there IS a November ARM Mac event.I’m hearing November 17th. 🗓

— Jon Prosser (@jon_prosser) 16 de outubro de 2020

Está na hora de apontar nos calendários. Parece que a Apple já reservou o dia 17 de novembro para nos dar os novos computadores. Estes computadores serão especiais. Mas já vamos perceber porquê.

Antes disso, vale a pena referir que há quem acredite que a Apple já nos deu um pouco do que esperar no evento do iPhone mas que poucos repararam.

Segundo uma atenta fã da Apple, no vídeo de apresentação do iPhone a Apple revelou também o primeiro olhar do novo MacBook.

Well some hint for new macbook pro on iPhone 12 event pic.twitter.com/KhXl8DxmMx

— Anyakarn Hutanavin (@anyakarn) 16 de outubro de 2020

Ainda que seja uma imagem sem grandes certezas, a verdade é que o computador tem um grande ecrã e margens reduzidas. Porém, os computadores da Apple contam com uma ideologia idêntica.

O que esperar dos novos computadores da Apple

Ainda não sabemos quais serão os dispositivos a chegar. Sabemos apenas que é muito possível que tenhamos os primeiros computadores da Apple com processadores ARM.

Esta é uma mudança importante e que foi oficializada pela Apple em junho deste ano. Teremos mesmo de esperar para ver. Garantidamente que os rumores aparecerão.

Editores 4gnews recomendam:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.