android-n-emojis

Nos EUA é possível comprar legalmente uma arma em poucos minutos. Porém, a Apple está preocupada com um emoji. A banalização do “politicamente correcto” tem destas coisas.

Vê ainda: Apple Watch 2 poderá incorporar uma câmara além de novos botões

   

É isso mesmo a Apple conseguiu, com sucesso, impedir que o emoji de uma rifle (espingarda) fosse adicionado à colecção de ícones existentes, alegando que não iria apoiar tal imagem no iOS e, por isso, preferiria que esse emoji fosse removido da lista de candidatos a emojis em 2016.

Se é verdade que uma espingarda pode ter uma conotação de violência associada, também não é menos verdade que a espingarda foi originalmente incluída como parte de um conjunto de emojis que tinha como tema os Jogos Olímpicos, que também incluiu emojis com medalhas e outras representações de outros desportos Olímpicos. Só por curiosidade, os desportos de tiro desportivo foram incluídos nos Jogos Olímpicos de Verão desde 1896.

O próprio Mark Davis, Presidente da Unicode Consortium – a organização que está encarregue de seleccionar e aprovar os emojis que temos nas nossas plataformas – disse que a razão da inclusão da espingarda é essa mesma, o facto de ser um emoji relacionado com um desporto Olímpico. Porém, a Apple tem-nos habituado aos seus malabarismos nos corredores e o seu poder e influência na Unicode – da qual fazem também parte a Google, a Microsoft, o Facebook, entre outros – acabaram por ditar o fim desse emoji, pelo menos para já.

Vê ainda: iOS 10: Apple deixa-te Remover “apps” de sistema mas não Desinstalar

Seja como for, o que fica desta história toda é uma empresa que não sabe respeitar uma decisão democrática previamente tomada – a inclusão da espingarda – e decide fazer uma “birra”, amesquinhando e menosprezando um desporto Olímpico com base numa ideia preconcebida de que quem usa um emoji com um espingarda é certamente violento, considerando que somos todos estúpidos e mal intencionados.

Talvez queiras ver: