Apple: estranho efeito "jelly scrolling" no iPad Mini 6 não é um problema de hardware

Mónica Marques
Comentar

Começou a ser vendido na semana passada e agora os utilizadores queixam-se de que o ecrã do iPad Mini 6 regista um efeito estranho de "jelly scrolling".

A Apple veio agora a público garantir que esse efeito não é um problema de hardware. Mas vamos a pormenores.

O que é o efeito "jelly scrolling"?

Apple iPad Mini 6

O efeito "jelly scrolling" acontece quando metade do ecrã atualiza visivelmente numa velocidade mais lenta do que a outra metade. O resultado é um efeito de oscilação quando o conteúdo, seja texto ou imagem, no ecrã se movimenta de forma mais rápida.

Este é um efeito que não consegue passar despercebido, uma vez que os utilizadores veem efetivamente que uma parte do ecrã demora mais a responder ao solicitado.

Ora desde que foi colocado à venda, na semana passada, que vários utilizadores do iPad Mini 6, por todo o mundo, se têm vindo a queixar de que o tablet apresenta este estranho efeito. Especialmente quando utilizado em modo retrato. Muitos destes utilizadores avançavam que tal facto podia ficar a dever-se a um problema ou defeito de hardware.

Resposta da Apple ao efeito "jelly scrolling" no iPad Mini 6

Agora a Apple anunciou publicamente que o efeito "jelly scrolling" não é um problema de hardware e que para mais é esperado que aconteça em ecrãs LCD. A resposta foi publicada no meio de comunicação Ars Technica que confrontou a gigante tecnológica com a situação.

Esclarece a Apple que os ecrãs LCD atualizam linha por linha e que tal situação pode provocar um atraso entre as linhas da zona inferior e as linhas da zona superior do ecrã. A consequência é o chamado efeito "jelly scrolling".

Efeito é mais subtil em outros modelos iPad

Mas a Ars Techina vai mais longe e afirma que este efeito é mais subtil e muito menos percetível em outras versões de iPad que integram igualmente ecrãs LCD.

A consequência das declarações da Apple é que, visto tratar-se de uma situação que é expectável de acontecer, os utilizadores não podem solicitar uma troca do equipamento ou um arranjo do ecrã. No entanto, se ainda estiverem dentro do prazo de 14 dias após a aquisição, podem devolver o iPad mini 6 e serem reembolsados na totalidade.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira.