Apple AirPods Max foram desmontados: a escolha vencedora

Bruno Coelho
Comentar

No final de 2020, a Apple lançou no mercado os seus primeiros auscultadores Bluetooth, e não fez por menos. Os AirPods Max têm sido amplamente elogiados pela qualidade sonora, cancelamento de ruído e modo de transparência.

Os especialistas em desmontagens do iFixit já tiveram oportunidade de ver as “entranhas” dos auscultadores da empresa de Cupertino. E o grande ponto a destacar é que receberam nota de reparação positiva.

Apple AirPods Max. Crédito: iFixit
Apple AirPods Max. Crédito: iFixit

Apple AirPods Max receberam nota de reparação positiva: 6 em 10

Os AirPods Max receberam uma pontuação de 6 em 10, sendo que 10 é mais fácil de reparar. O facto de as almofadas funcionarem de forma magnética e não precisarem de ferramentas para colocar ou retirar é o primeiro ponto positivo destacado.

Sem fios e sem confusão, a faixa (headband) que descansa na tua cabeça também se desprende facilmente recorrendo a uma pequena ferramenta de cartão SIM, por exemplo. Além disso, as drivers e a bateria estão seguras com parafusos e usam ligações fáceis de reparar.

Apple AirPods Max. Crédito: iFixit
Apple AirPods Max. Crédito: iFixit

Número de parafusos nos AirPods Max é considerado exagerado

Como seria de esperar, não há só pontos positivos a destacar. Mesmo para os padrões do iFixit, o número de parafusos é considerado excessivo. Pelo lado negativo, os parafusos e adesivos "pentalobe" protegem os fones, mas acabam por dificultar quaisquer reparações internas.

Apple AirPods Max. Crédito: iFixit
Apple AirPods Max. Crédito: iFixit

No final do dia, os AirPods Max são um pedaço de engenharia apreciável. E o hipotético comprador deste produto que custa 629 € em Portugal ficará feliz por saber que, ao contrário dos AirPods Pro, se a bateria destes morrer, não serão para colocar no lixo de seguida.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Football Manager e o cinema são dois dos seus escapes, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.