Apple iPhone 12 Pro Max e 12 mini sobrevivem a teste de durabilidade

Rui Bacelar
Comentar

Zach Nelson, o norte-americano responsável pelo canal de YouTube JerryRigEverything tornou-se numa referência ao testar os limites da durabilidade de vários smartphones. Agora, os Apple iPhone 12 Pro Max e iPhone 12 mini são as mais recentes "vítimas".

O seu teste de durabilidade segue um leque de etapas gradualmente mais exigentes para os equipamentos, testando em primeiro lugar a dureza do vidro que protege o ecrã e, por fim, submetendo os equipamentos a um último teste de torção.

Os Apple iPhone 12 Pro Max e mini passaram com distinção!

Em primeiro lugar podemos avançar que ambos os novos iPhone 12 Pro Max e 12 mini são igualmente resistentes. Os consumidores que prefiram um telefone pequeno poderão assim, confortavelmente, optar pelo Apple iPhone 12 mini.

Em segundo lugar, vemos que o Ceramic Shield, a infusão de cristais de cerâmica no vidro temperado, risca a partir do grau 6 na escala de Mohs. Isto vai ao encontro da média, com a maioria dos smartphones a apresentar riscos no ecrã a partir deste grau.

Naturalmente, a partir do grau 7 na escala de Mohs vemos riscos mais profundos em ambos os ecrãs. Note-se que a nova proteção aplicada pela Apple, o Ceramic Shield afirma tornar os ecrãs mais resistentes a quedas, não propriamente a riscos.

A durabilidade dos novos smartphones Apple

Ainda que não seja propriamente um teste científico, ou com rigor suficiente para merecer tal título, podemos conhecer alguns dos limites dos equipamentos. Note-se, por exemplo, a exímia resistência demonstrada durante o teste da chama.

Por fim, no teste da torção, pretendendo apurar a ductibilidade da estrutura, ambos os Apple iPhone permaneceram intactos graças ao esqueleto metálico e à nova construção com arestas mais angulares.

Numa nota pessoal, este tipo de testes tem um grande valor enquanto fator de entretenimento e na descoberta do que aconteceria aos nossos terminais caso houvesse coragem, pessoal, para os submeter a semelhantes torturas. Não desvirtuando o trabalho de Zach, pelo caminho também aprendemos algumas curiosidades e apuramos o comportamento dos smartphones.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.